Domingo, 25 de agosto de 2019   -     16:54 |
5000onon

Por 7 votos a 2 Dudu consegue reverter decisão da Executiva do PT de Teresina

Foto: WhatsApp

Por 7 votos a 2 e sem a presença do presidente, deputado federal Assis Carvalho, a Executiva do Partido dos Trabalhadores no Piauí, reunida nesta segunda-feira (5),  reformou a decisão da Executiva Municipal de Teresina para permitir que 2,5 mil filiados votem na eleição marcada para setembro.

"O Assis nem apareceu. Ele evitou colocar o DNA dele nessa decisão que tenho certeza que será derrubada pela Nacional. Eu lamento muito essa postura do Assis e do grupo dele de concordar com o que Gilberto Paixão já havia decidido, de impedir esses 2,5 mil filiados da Capital de votarem. Não sei que medo é esse que eles têm desses filiados de Teresina", questionou o vereador Dudu.

O secretário de Estado da Administração, Merlong Solano, apoia Assis Carvalho, mas votou a favor do direito de voto dos filiados ligados a Dudu. "Tenho até que agradecer ao Merlong e as pessoas ligadas a ele que mesmo apoiando o Assis foi coerente votando pela homologação do direito dessas pessoas de votarem", agradeceu o vereador.

A Executiva do PT de Teresina havia decidido impedir o votos dos filiados de Dudu, alegando que esse 2.5 mil filiados não fizeram o curso de formação política. 

* Com informações do PT

Dê sua opinião: