Sábado, 04 de dezembro de 2021   -     13:54 |

Na guerra dos combustíveis, Arthur Lira diz que a Câmara não é contra governadores, é a favor dos governados

O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), afirmou nesta sexta-feira (15) que a Casa não está contra os governadores, mas a favor dos governados, ao aprovar a proposta que tornou fixo o valor do ICMS dos combustíveis e determinou que o reajuste desses produtos serão calculados com a média de reajustes dos últimos dois anos.

A declaração de Lira ocorre depois que o senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), pré-candidato a presidente, resolveu “fazer um gesto” aos governadores, afirmando que eles serão “ouvidos”, com a clara intenção de mostrar que o presidente do Senado os defende, em relação ao projeto cuja deliberação, agora, é atribuição exclusiva dos senadores.

Arthur Lira explicou por meio de suas redes sociais que se tratam de circunstâncias excepcionais, numa referência à política abusiva de preços da Petrobras, que levaram os brasileiros a exigir providências do Poder Legislativo.

Ele afirmou que a Câmara age quando os brasileiros pedem providências, como os constantes aumentos dos preços dos combustíveis, a inflação e o desemprego.

“A Câmara não está contra os governadores, mas, sim, a favor dos governados, o povo que nos elegeu”, afirmou o presidente da Câmara.

Ele destacou que a Câmara atendeu ao clamor dos “brasileiros que sofrem com a inflação e desemprego e que precisam agora deste apoio – como precisaram ano passado do auxílio emergencial”, afirmou Lira.

Dê sua opinião: