Domingo, 26 de junho de 2022   -     05:57 |

Teresina registra aumento de 815 casos de dengue em apenas uma semana

 A cidade de Teresina já teve um aumento de 815 casos confirmados de dengue em apenas uma semana segundo dados da Fundação Municipal de Saúde (FMS), referente a 21ª Semana Epidemiológica, com dados registrados até o dia 2 de junho.
A cada sete dias, a FMS faz uma atualização da quantidade geral de casos registrados. Até o dia 26 de maio eram 1.552 confirmados por meio de exames, agora já são 2.367 mil casos, ou seja, um aumento de 815.
Já os casos notificados, é bem maior, chegando a 6.215. O número de óbitos também aumentou de 7 para 8. Também existem 5 casos que estão sob investigação.
Além da dengue, o mosquito Aedes aegypti também transmite a chikungunya e a zika vírus. Em relação a Chikungunya, capital já está com 280 casos confirmados, com 673 notificados, sem óbitos confirmados, mas dois em investigação.
Já em relação ao zika vírus, são 6 casos confirmados, com 65 notificados, e sem óbitos confirmados.
Operação de combate à dengue
De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh), mais de 240 mil imóveis na capital já foram visitados durante a Operação de Combate à Dengue que conta com a participação de agentes de endemias, militares do Exército e reeducandos do regime semiaberto do sistema prisional do estado.

A Semduh informou que somente no mês de maio foram visitados por agentes de endemias e militares do 25º BC, cerca de 8.271 imóveis distribuídos em 17 bairros. Nesta ação foram eliminados 2.186 focos do mosquito da dengue.
Já os reeducandos do sistema prisional atuam na limpeza das escolas públicas. Até o momento 33 unidades de ensino já foram visitadas.
Cuidados
Muitos dos casos de dengue podem ser evitados já que boa parte dos criadouros são localizados nas residências. O mosquito deposita os ovos em recipientes com água parada e os mesmos podem permanecer no local por um ano.
Entre os cuidados necessários estão:

Colocar garrafas vazias de cabeça para baixo;

Tampar tonéis, depósitos de água, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que possa reservar água;

Manter os quintais bem varridos, eliminando recipientes que possam acumular água, como tampinha de garrafa, folhas e sacolas plásticas;

Escovar bem as bordas dos recipientes (vasilha de água e comida de animais, pratos de plantas, tonéis e caixas d’água) e mantê-los sempre limpos.

Dê sua opinião: