Terça, 28 de setembro de 2021   -     18:54 |

Governo realiza obras em rodovia que liga Esperantina à Cachoeira do Urubu

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento do Piauí (IDEPI), está executando obras em várias rodovias importantes para a região norte do Estado, com recursos provenientes do PRO Piauí. É o caso da rodovia estadual PI-213 nos trechos que ligam Esperantina ao Parque Nacional Cachoeira do Urubu, um dos mais importantes e belos pontos turísticos do estado, localizado a 180 km de Teresina e a 18 km do centro de Esperantina.

“As obras nas rodovias significam um importante passo para fomentar ainda mais o turismo regional e, por extensão, aquecer a economia local, porque o turismo é um vetor de desenvolvimento econômico e por isso mesmo de melhoria da sociedade”, diz Leonardo Sobral, diretor-geral do IDEPI, ressaltando que o Parque da Cachoeira do Urubu é conhecido em todo o Piauí e, agora, com a melhoria das rodovias, suas belezas se estenderão Brasil afora.

As obras incluem a restauração e manutenção de dois trechos. O primeiro, com extensão de 10,25km, liga a sede do município até a entrada que dá acesso ao Parque. Já o segundo, com extensão de 9,0 km, vai do entroncamento da rodovia (Esperantina) até o parque. Os investimentos previstos na obra serão em torno de R$ 5,6 milhões, recursos do governo do estado, através do PRO Piauí.

Além da restauração e manutenção rodoviária, os serviços incluem também tapa-buracos, aplicação de asfalto betuminoso na pista de rolamento e acostamento; manutenção de drenagem superficial, manutenção dos Bueiros, além de novas sinalizações horizontal e vertical.

Outras rodovias importantes para a região e que estão em execução pelo IDEPI são a PI-211, que liga Esperantina a Joaquim Pires e possui extensão de mais de 41km de extensão; e a PI-214, no trecho que vai de Esperantina aos povoados KM 7, Pereiras e Bonfim. O valor do investimento previsto nas duas obras é de mais de R$ 11 milhões, recursos oriundos do governo do estado, através do PRO Piauí.

Dê sua opinião: