Sexta, 10 de julho de 2020   -     03:12 |

Governador apresenta a vereadores de Teresina protocolo que norteará reabertura do comércio

Foto: Reprodução 

O governador Wellington Dias se reuniu, nessa quarta-feira (27), por meio de videoconferência, com vereadores de Teresina. Na oportunidade, o chefe do Executivo piauiense introduziu aos parlamentares as ações desenvolvidas pelo Estado até o momento no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, bem como o atual estágio de proliferação da Covid-19 no Piauí.

Wellington também apresentou a proposta de um novo protocolo, que deve nortear o processo de reabertura do comércio e atividades econômicos em todos os municípios. “Nosso objetivo é de que, com a adoção deste protocolo, possamos regrar e acompanhar o retorno das atividades. Mantendo uma vigilância contínua, sempre acompanhada das normas de manutenção do distanciamento social e sanitização dos espaços, bem como da realização de exames clínicos dos funcionários que retornarão às atividades”, explica Dias.

A ideia de exigir um laudo clínico de todos os profissionais que devem retornar ao trabalho ganhou ressonância junto aos vereadores que veem a alternativa como viável. “Acredito que a exigência de exames clínicos por parte dos empregadores é uma boa alternativa para retornarmos gradualmente as atividades, uma vez que os testes para Covid-19 não são de fácil acesso e um parecer médico pode, se não diagnosticar a doença, mas identificar possíveis sintomas e indicativos”, lembra o vereador Luiz Lobão.

Questionado sobre a atual estrutura do Estado para controle da doença e atendimento das pessoas infectadas, o governador reafirmou o desafio em alcançar o número de leitos de UTIs tidas como ideais, que no Piauí gira em torno de 600, além de intensificar a testagem da população.

“Estamos caminhando para 40 mil testes realizados no estado. Somado a isso, fizemos um esforço para aumentar o número de leitos clínicos e de UTIs para termos uma margem que nos permita não colapsarmos. Nossa perspectiva é de que, com todos os poderes estabelecidos, prefeituras, câmaras de vereadores, Assembleia Legislativa, possamos resguardas a população em um trabalho que nos permita a volta das atividades com segurança e de maneira gradual”, pontua o governador.

Além dos leitos intensivos instalados nos municípios de Teresina, Parnaíba, Picos, Oeiras, São Raimundo Nonato, Floriano e Bom Jesus, o Estado ampliou o atendimento clínico para outros 21 municípios do interior, como Esperantina, Uruçuí e Água Branca. Ao todo, os 600 leitos de UTIs programados para atuação, também recebem o reforço de 48 ambulâncias que possuem estrutura de UTI móvel, para o transporte de pacientes que precisem de atendimento de maior complexidade.

Idealizador do encontro, o vereador Edilberto Borges, o Dudu, agradeceu ao governador pelo espaço e reiterou o compromisso da casa legislativa de Teresina em colaborar no combate à Covid-19. “Importante termos essa porta aberta com o governador para dialogar e nos familiarizarmos com o trabalho desenvolvido em todo o Piauí. O objetivo é de atuarmos em conjunto para o bem maior de Teresina e do Piauí”, diz o paramentar.

A também vereadora Cida Santiago cumprimentou o governador pelo trabalho desenvolvido até o momento e reforçou o posicionamento de colaboração. “Sabemos do desafio que vem sendo enfrentado em todo o país e nós, como vereadores de Teresina, nos dispomos a colaborar com o que mais for necessário para atingirmos os objetivos de resguardar a saúde pública dos piauienses”, disse a parlamentar.

Fizeram-se presentes na reunião os vereadores Caio Bucar (PRTB), Cida Santiago (PSD), Deolindo Moura (PT), Dr. Lázaro (Patriota), Enzo Samuel (PCdoB), Evandro Hidd (PDT), Graça Amorim (Progressistas), Gustavo de Carvalho (Patriota), Joaquim do Arroz (MDB), Luiz Lobão (MDB), Pastor Levino (Republicanos), Pollyanna Rocha (PV), Valdemir Virgino (PRP), Venâncio Cardoso (Progressistas), Dudu (PT) e Zé Filho (Avante). 

* Com informações da CCOM 

Dê sua opinião: