Domingo, 20 de setembro de 2020   -     20:57 |

Em Marcos Parente, grupo político enfraquece após perder 5 aliados

O grupo político do ex-prefeito de Marcos Parente, Dr. Gedison Alves, perdeu mais uma grande liderança neste sábado (01/08) e diminuiu as chances de obter vitória para prefeito nas eleições deste ano. Até agora já foram 5 aliados importantes perdidos.

1. SAÍDA DE MARIA ALICE EM 2019

O grupo da oposição, em 2016 contava com o apoio da líder Maria Alice, como candidata a vice-prefeita e Dr. Gedison Alves como candidato a prefeito. Os dois obtiveram 1625 votos. Porém, perderam as eleições para o grupo da situação formado pelo ex-prefeito Manoel Emídio e pelo atual prefeito Pedro Nunes, que não disputará a reeleição. Os dois obtiveram 1667 votos.  


Com a oposição agora dividida, Maria Alice lançou seu neto, advogado Dr. Matheus como pré-candidato a prefeito, saindo do grupo de Dr. Gedison porque o mesmo preferiu escolher outro nome para ser sua vice, a funcionária dos Correios Iara, que está entrando pela primeira vez na política.


2. SAÍDA DA VEREADORA IRAÍDES EM 2020


A vereadora e professora Iraídes, também saiu do grupo da oposição por motivos pessoais e passa a integrar agora o grupo do ex-prefeito Manoel Emídio. Ela já foi presidente da câmara municipal de vereadores. Um importante apoio que foi perdido. 


3. SAÍDA DO VEREADOR VALÉRIO EM 2019


Outro importante apoio perdido foi o do vereador e fisioterapêuta Dr. Valério Gustavo, que também era da oposição e primo de Dr. Gedison. Ele agora faz parte do grupo do ex-prefeito Manoel Emídio, que também é seu tio. Valério anunciou ainda no final do ano passado, nas redes sociais, o motivo de sua saída que, segundo ele, foi tratado muito mal e que sempre foi perseguido desde 2008 dentro do referido grupo. 

"Eu não sai, praticamente me expulsaram. Já existiam rumores que subgrupos de candidatos pressionavam o pré-candidato a prefeito para isso. Porém, os mesmos de sempre, que nunca conseguiram ganhar uma disputa e muitos não conseguiram nem ultrapassar os 50 votos e alguns nem mesmo 30 votos. Isso acontece mesmo, em grupo que não tem liderança e nem diálogo. Logo eu que tenho 12 anos consecutivos permaneci firme defendendo os ideais do grupo e da oposição, tendo uma boa postura, tive várias oportunidades vantajosas e mesmo assim permaneci firme e forte. Acho que isso não foi observado, sendo que o pré-candidato a prefeito foi pressionado por políticos sem peso e sem respaldo; eu sei que manobras políticas existem, mas abrir mão de candidatura para candidatos que já existiam no grupo, e mais fracos, é inadmissível", disse Valério.


4. SAÍDA DO VEREADOR PEDRO DA ANITA EM 2020


O vereador Pedro Martins, conhecido como Pedro Danita, chegou a se filiar no mesmo partido de Dr. Gedison para ser pré-candidato a reeleição. Porém, também resolveu sair do grupo e ir para o do ex-prefeito Manoel Emídio. Há rumores de que sua saída foi por falta de consideração de Gedison por sua pessoa e descontentamento pela escolha da pré-candidata a vice-prefeita.


5. SAÍDA DO COORDENADOR DE CAMPANHA, ACELINO FILHO, EM 2020


Nesse sábado, 01 de agosto, o principal coordenador de campanha do grupo de dona Juraci Alves, de quando foi prefeita e de Dr. Gedison nas eleições de 2012 e 2016, um dos principais nomes dentro do grupo da oposição, que era o cabeça do núcleo em termos de informação e estratégia, Acelino Filho, se manifestou decidindo pela saída do grupo.


Acelino gravou dois áudios explicando o motivo de sua saída. Segundo ele, tomou uma decisão pessoal juntamente com sua família de pertencer e votar no grupo do ex-prefeito Manoel Emídio. Disse que passou 20 anos no grupo ao qual pertencia e pediu aos amigos que entendessem a sua decisão pessoal. Disse que ganhou e perdeu eleições e construiu amigos no grupo com respeito, elogiou a ex-prefeita, e os demais. Comentou que "é uma pena, mas essa é a verdade". Falou que não é vinculado a nenhum grupo político com dependência financeira e que sobrevive dos seus dois braços, suor e muito esforço para poder manter sua família.

Ouça os áudios de Acelino Filho:   



EX-PREFEITO LANÇA SUA FILHA COMO PRÉ-CANDIDATA A PREFEITA EM 2020

O ex-prefeito Manoel Emídio lançou sua filha Maria José como pré-candidata a prefeita. A mesma tem o apoio do vereador e presidente da câmara Jobsom Guimarães, como seu pré-candidato a vice-prefeito. São 8 dos 9 vereadores apoiando sua pré-candidatura. Tem ainda o apoio do prefeito e, grandes famílias que votavam na oposição estão aderindo para seu lado. Mazé, como é conhecida, estará disputando pela primeira vez um cargo eletivo. Ela é nova e tem projetos importantes para Marcos Parente que irá apresentar no decorrer da campanha.

* Com informações Isadora Lima de Sousa 

Dê sua opinião: