5000onon

TJ-PI manda prender em Recife o ex-tenente que matou Iarla

Ex-tenente  do Exército José Ricardo da Silva Neto   
 Foto: Reprodução

O Tribunal de Justiça o Piauí (TJ), por meio do desembargador Joaquim Dias de Santana Filho, expediu um mandado de prisão preventiva contra o ex-tenente do Exército José Ricardo da Silva Neto, acusado de matar a namorada Iarla Lima Barbosa em junho de 2017 em Teresina.

O mandado de prisão foi expedido nessa terça-feira (5) e encaminhado para a comarca de Recife (PE), onde o acusado está morando. A prisão foi determinada pela 2º Câmara Especializada Criminal durante o julgamento de revogação da prisão preventiva do acusado, feito pelo Ministério Público.

O recurso foi julgado no dia 30 de janeiro e contou com dois votos a favor e cum contra a prisão preventiva de José Ricardo da Silva Neto. O mandado já está inserido no Banco Nacional de Mandados de Prisão (BNMP) e pode ser cumprido a qualquer momento.

Relembre o caso

A jovem Iarla Lima Barbosa foi assassinada a tiros pelo tenente 2º BEC, José Ricardo da Silva Neto, 22 anos, no dia 19 de julho de 2017. Na ocasião, ele ainda feriu duas pessoas, sendo a irmã de Iarla e uma amiga.

Após o crime, José Ricardo foi para casa levando o corpo de Iarla no banco do carona. José Ricardo foi para o apartamento e disparou contra a perna com a mesma pistola que usou para matar Iarla.

Ele foi preso por uma equipe do BPRONE em flagrante e disse confessou que atirou em Iarla, mas que as outras vítimas foram atingidas acidentalmente.



Fonte: TJ-PI 

Dê sua opinião: