5000onon

Polícia prende casal acusado de tráfico de drogas na Zona Norte de Teresina

 Foto: Divulgação/ Polícia Civil 

Um casal foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. Os dois, Felipe Eduardo das Neves Nunes e Amanda Cristina Rodrigues da Silva, foram presos por policiais da Delegacia de Prevenção e Repressão ao Entorpecente (DEPRE) nesta sexta-feira (24).  

De acordo com a polícia, os dois vendiam entorpecentes em uma residência localizada no bairro Cabral, zona Norte de Teresina, onde foram localizados. As drogas eram escoadas também no Parque da Cidadania, Avenida Frei Serafim (Centro da capital).

“Existiam denúncias anônimas sobre a Rua Professor José Amável, no bairro Cabral, bem próximo ao Parque da Cidadania. Então a DEPRE foi determinada para fazer investigação e saber se lá existia mesmo uma boca de fumo e foi constatado. A gente pediu um mandado de busca para a Central de Inquéritos, que foi deferido, e aí a gente viu o melhor momento para fazer a prisão, que era quando tivesse movimentação de usuários. Então hoje pela manhã foi vista uma movimentação de usuários, aí fizemos o adentramento tático”, detalhou o coordenador da DEPRE, Cadena Júnior, ao Portal AZ.

Ao entrarem no estabelecimento, os policiais se depararam com Felipe cortando pedra de crack, com uma lâmina, para embalar. Durante averiguação, foram encontradas em uma bolsa da mulher mais unidades da droga.  

“No momento da prisão o indivíduo estava cortando uma pedra de crack, com uma lâmina, num prato, para embalar. Já tinham lá 45 pedras embaladas, grandes, e eles estavam fazendo 25 pedrinhas menores, que são vendidas a R$ 5. Com a esposa foram achadas, na bolsa dela, também algumas pedras de crack”, acrescentou Cadena.

Além de dinheiro trocado e das pedras de crack, foi apreendido no local uma balança de precisão. A boca de fumo funcionava durante o dia, segundo a Polícia Civil.  

O homem e a mulher já possuem passagem pela polícia. Felipe havia sido preso, em março, por tráfico e estava sendo monitorado eletronicamente. Amanda já respondeu por roubo e corrupção de menores.  

* Com informações do Portal Az

Dê sua opinião: