5000onon

Piauiense morre ao tentar realizar assalto em Curitiba

 Foto: Reprodução

Um jovem identificado como Emerson morreu durante um assalto na cidade de Curitiba (PR). De acordo com informações do capital Ivanaldo da PM-PI, Emerson estaria na companhia de um amigo e tentaram assaltar um comércio, mas acabaram sendo flagrados por uma policial militar a paisana que deu voz de prisão à dupla que revidou e foi iniciado uma troca de tiros. O PM acabou baleado, mas conseguiu balear os suspeitos, dentre eles o Emerson, que foi atingido com um disparo na cabeça. O caso aconteceu na terça-feira (21). 

Tanto a dupla de suspeitos quando o militar foram socorridos, mas Emerson não resistiu e morreu no hospital. O jovem Emerson é natural de São Raimundo Nonato (PI), mas foi há cerca de um mês para o Sul do País em busca de emprego. Ele teria ido à Curitiba junto com o amigo que o levou. Aos pais o jovem dizia que estava trabalhando no ramo da construção civil, inclusive teria mandado fotos de algumas obras na região. 

Antes de ir para Curitiba, chegou a trabalhar como zelador na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de São Raimundo Nonato e no comércio, mas como estava com mais de três meses de salários atrasados teria ido buscar emprego em São Paulo.

O portal Massa News chegou a noticiar o caso. 

Um policial militar foi baleado e ficou gravemente ferido no momento em que tentava conter um assalto a um supermercado de Araucária, na região metropolitana de Curitiba. O soldado Cruz Faria estava à paisana, de folga, e fazia compras no estabelecimento.

Enquanto fazia as compras, o militar percebeu a ação de uma dupla de assaltantes e reagiu. Surpreendidos pelo PM, os homens, que já estavam com o dinheiro em mãos, o acertaram com tiros na perna e no abdômen.

Na troca de tiros, os criminosos foram atingidos na cabeça e também ficaram gravemente feridos.

Os assaltantes e o policial militar foram socorridos. Os criminosos foram transportados a um hospital da região em ambulâncias, enquanto o militar foi levado de helicóptero até o Hospital do Rocio, em Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba.

O soldado Cruz Faria foi submetido a uma cirurgia e segue em observação.

* Com informações do Fala Piauí

Dê sua opinião: