Quinta, 19 de maio de 2022   -     03:06 |

Homem é morto com pedradas na cabeça no bairro Promorar

Um catador de lixo identificado como Josimar Mendes da Silva, 45 anos, foi assassinado com várias pedradas na noite dessa segunda-feira (02), no bairro Promorar, zona sul de Teresina. O acusado, identificado como Erisvaldo da Silva Pereira, vulgo Gó, acabou sendo preso.
Testemunhas relataram ao Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa – DHPP – que a vítima estava dormindo na calçada, quando foi surpreendida por Erisvaldo, que pegou um bloco de tijolo e passou a arremessar contra a cabeça de Josimar. Sem ter como reagir, ele acabou morrendo no meio da rua, com graves lesões na cabeça.
Após cometer o crime, Erisvaldo da Silva Pereira foi para casa, que fica bem próxima do local da ocorrência, como se nada tivesse acontecido. Uma guarnição da Polícia Militar foi acionada e se dirigiu até a residência do acusado, onde ele recebeu voz de prisão em flagrante delito nesta madrugada de terça-feira (03).
Erisvaldo da Silva Pereira já havia sido preso pela Polícia Civil do Piauí no ano de 2014, ocasião em que decapitou a vítima, César de Sousa, no município de Nazária.
Na ocasião, César de Sousa foi morto esquartejado e ainda teve a cabeça exposta, além das vísceras. O crime teria ocorrido por vingança. Funcionários do Instituto de Medicina Legal de Teresina confirmaram que além de decapitado, César teve parte do rosto cortado, a orelha, o tórax, e os membros quebrados.
Em relato informal aos policiais do DHPP, ainda na madrugada de hoje, os familiares disseram que Erisvaldo havia deixado o sistema penitenciário há cerca de 3 meses

Dê sua opinião: