5000onon

Comando Geral determina prisão de PMs acusados de tortura

Foto: Reprodução Fala Piauí

O Comando da Polícia Militar determinou, nesta quinta-feira, a prisão administrativa de dois policiais militares acusados de tortura no Piauí. O Comandante Geral ao  tomar conhecimento do vídeo determinou ao Comandante do 12 Batalhão em Piripiri,  que apresentem os Policiais Militares na Corregedoria, Instauração do Inquérito Policial Militar, bem como decretou a prisão administrativa dos Policiais envolvidos no fato. 

Entenda o caso

Um vídeo que está sendo compartilhado em grupos de WhatsApp mostra dois policiais batendo no rosto de um rapaz, que se encontra imobilizado, de mãos atadas. Nas imagens é possível ver as agressões e tortura contra um detento. O fato ocorreu na delegacia de Piripiri.  

NOTA  - Polícia Militar do Piauí

A Diretoria de Comunicação Social da Polícia Militar do Piauí informa que o Comandante Geral ao  tomar conhecimento do vídeo determinou ao Comandante do 12 Batalhão em Piripiri,  que apresentem os Policiais Militares na Corregedoria, Instauração do Inquérito Policial Militar, bem como decretou a prisão administrativa dos Policiais envolvidos no fato. 

Teresina, 11 de abril de 2019.

Elza Rodrigues Ferreira - TC Diretora de Comunicação Social da PMPI. 

* Com informações do Fala Piauí 

Dê sua opinião: