5000onon

Água da chuva alaga Penitenciária em Teresina; veja o vídeo

Um vídeo feito dentro das dependências da Penitenciária José de Ribamar Leite, antiga “Casa de Custódia”, em Teresina, mostra o corredor do presídio e o alojamento dos agentes penitenciários alagados e com diversas infiltrações. A Secretaria de Justiça do Piauí não se pronunciou sobre as imagens.

A gerência da Penitenciária José de Ribamar Leite e a Secretaria de Justiça do Piauí informaram por meio de nota que o problema será averiguado.

De acordo com uma fonte que não quis se identificar, o vídeo foi feito durante a tarde de segunda-feira (1). No vídeo é possível ver que a água invadiu o alojamento dos agentes penitenciários. No local há camas, que seriam usadas pelas agentes durante o descanso, sem colchões.


Em outro momento do vídeo, vemos o corredor que dá acesso aos pavilhões da penitenciária inundado e com a água escorrendo das instalações elétricas.

Após analisar as imagens, o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), Kleiton Holanda, disse que o corredor é um ambiente usado por agentes, detentos, familiares, advogados e juízes.

“É um local onde o movimento é intenso diariamente. Por ali passam a alimentação e medicamentos para os presos”, disse Kleiton. Segundo ele, a umidade das paredes torna o ar irrespirável. “Nesse período de chuvas os agentes e os detentos tendem a adoecer muito mais”, contou.

Ainda segundo Kleiton Holanda, a situação desconfortável e perigosa torna os presos ainda mais hostis, e aumenta a chance de motins. A penitenciária José de Ribamar Leite tem espaço para comportar 336 detentos, e atualmente abriga cerca de 1100 homens.

*Com informações do G1

Dê sua opinião: