Sábado, 19 de junho de 2021   -     18:08 |

Coluna Coluna Feitosa Costa

Prefeito de Carolina é acusado de praticar aborto e matar bebê de amante dentro de motel

Conforme o Blogueiro Luiz Cardoso, um dos mais acessados do Maranhão, o prefeito da cidade de Carolina está sendo acusado de ter realizado um aborto ilegal sem o consentimento de sua amante dentro do motel Oasis, em Tocantins, em 2017. 

Consta na denúncia que o Dr Erivelton (PL), prefeito, teria atraído a vítima para um motel alegando que queria examiná-la através de uma coleta de sangue. Uma verdadeira tragédia praticada contra a vida de um inocente.

O gestor, durante a gravidez, demonstrava amor e carinho pelo nascituro, por este motivo a vítima não desconfiou que estava sendo atraída para uma embosca. 

De acordo com a jovem grávida, ele a anestesiou e arrancou a criança da barriga de sua barriga. O destino da criança de acordo com a mãe, foi ser assassinada no mesmo quarto de motel, usado minuciosamente para a prática de infanticídio. O caso está sendo investigado pela autoridades.

CLIQUE E VEJA OS DETALHES DESSA HISTÓRIA MACABRA 




Dê sua opinião: