Terça, 12 de novembro de 2019   -     09:03 |
5000onon

Coluna Coluna Feitosa Costa

Flávio Nogueira quer sair do PDT com vaga reservada no PP de Ciro no Piauí

O deputado federal Flávio Nogueira ingressou nesta terça-feira (15) com uma ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para deixar o Partido Democrático Trabalhista (PDT). O piauiense quer evitar ser enquadrado por infidelidade partidária para manter o cargo que exerce em Brasília.

Ocorre que Flávio Nogueira está suspenso das atividades do PDT desde o dia 17 de julho deste ano por ter votado, contrariando a executiva nacional da legenda, a favor da reforma da previdência nos dois turnos da câmara.

Para sair ileso do impasse, o deputado alega perseguição por parte da direção nacional do partido e prejuízos na preparação das próximas eleições municipais. 

O seu mais provável destino é o PP do senador Ciro Nogueira. Por sinal, este não esconde a vontade de tê-lo nos quadros de ampliação de Progressista no Piauí.

O deputado estadual Júlio Arcoverde, inclusive, com total aval de Ciro, mirando im/prováveis céus de brigadeiros, sempre que indagado pelos meios de comunicação, não poupa elogios a Flávio Nogueira e diz que seria uma "honra recebê-lo no partido". 

A ida do deputado federal para o PP seria uma espécie de troféu da dupla Ciro Nogueira e Júlio Arcoverde, pois trata-se de um forte aliado do governador Wellington Dias (PT).

 
EXCLUSIVAS
 

Até que enfim 

O Partido dos Trabalhadores acalmou os ânimos nos bastidores da pré-campanha para prefeito de Teresina.

Em anos anteriores eram trocas de farpas toda hora na mídia. 

Tudo certinho

Júnior do MP3, Fábio Novo e Franzé Silva são os nomes postos na mesa para uma possível disputa em 2020.

Largando na frente

O sentimento de consenso se deu porque Franzé Silva tem sido o nome mais viável. 

O deputado estadual parece ser o elo que faltava para o PT se juntar de vez na capital.

Só para constatar

O PP de Ciro Nogueira já filiou o deputado federal Átila Lira, que foi expulso do PSB.  

Sem resposta

Até agora, a polícia ainda não elucidou o brutal assassinato do músico Girleno Alves de Porto Piauí.

O jovem teve a cabeça queimada, o pênis cortado e o corpo jogado num matagal. Seu falecimento completará um mês na sexta-feira. 

Atenção, Fábio Abreu

A delegacia da cidade de Porto funciona apenas com um delegado e um escrivão de laços estreitos com poderosas figuras políticas locais. 

Nada mudou

O PSDB continua com dificuldade de formalizar fortes candidaturas no interior do Piauí.

É o velho problema que o partido enfrenta na tentativa de aumentar suas forças. 

Se coçando

Tem prefeito roendo às unhas na expectativa da chegada dos recursos da cessão onerosa do petróleo na prefeitura.

É muito dinheiro extra sob o poder de quem tem pouco interesse em cuidar do povo.

Com apoio de Bolsonaro

O projeto de Lei (PL) 5.478/2019 aprovado na câmara federal define os critérios para divisão dos recursos do bônus de assinatura da cessão onerosa do pré-sal entre Estados e Municípios.

O montante é estimado pelo governo federal em R$ 10,9 bilhões.

Dê sua opinião: