Terça, 28 de setembro de 2021   -     19:36 |

Piauiense Luís Carlos Cardoso conquista medalha inédita nos Jogos Paralímpicos

O piauiense Luis Carlos Cardoso, brilhou e conquistou a medalha de prata na canoagem de velocidade na categoria KL1 masculina, nos Jogos Paralímpicos de Tóquio nesta quinta-feira (02/09). O brasileiro encerrou a prova com tempo de 48s03.

Luis Carlos Cardoso, que havia vencido as eliminatórias, teve boa partida e manteve o bom ritmo para assegurar o segundo lugar no pódio. A medalha de ouro ficou com o húngaro Peter Kiss (45s44), enquanto Remy Boulle, da França, conquistou a prata com marca de (48s97).

“Passou um filme na minha cabeça de tudo que eu passei para chegar até aqui. Muitas vezes passou pela minha cabeça que talvez eu não iria conseguir, desgaste físico, psicológico… mas enfim chegou a minha vez”, disse Luis Carlos Cardoso.

Depois de vencer a bateria na primeira rodada do caiaque KL1, Luis Carlos Cardoso caiu na água apenas para a decisão do KL1, sem precisar disputar as baterias semifinais, o que se provou uma vantagem.

O brasileiro largou forte, mas viu o húngaro arrancar muito bem logo depois e abrir uma distância considerável na ponta. Luis até tentou reagir, mas não conseguiu, terminou na segunda posição com tempo de 48,031s.

Luis ainda tem pela frente a semifinal do VL2, na próxima sexta-feira à noite, na busca por outra medalha. O também brasileiro Paulo Rufino já está garantido na final da categoria.

História

Natural da cidade de Picos, no Sul do Piauí, Luis Carlos Cardoso era dançarino de bandas de forró e se apresentava em shows do cantor Frank Aguiar. Em dezembro de 2009, o piauiense ficou paraplégico por conta da esquistossomose e teve a oportunidade começar a descobrir o esporte dois anos após o ocorrido.

A partir disso, ele virou um dos destaques no esporte e conseguiu chegar na Rio 2016, onde ficou em quarto lugar, fora do pódio na KL1 200m.

*Com informações do GE

Dê sua opinião: