5000onon

Fim de greve: 100% dos ônibus voltam a circular em Teresina

Resultado de imagem para onibus teresina 
 Foto: Reprodução/ G1

Os ônibus voltaram a circular normalmente, com 100% da frota, no início da manhã desta segunda-feira (11) após cinco dias da greve de motoristas e cobradores do transporte público de Teresina. No sábado (9), o Tribunal Regional do Trabalho (TRT-PI) determinou que a greve fosse suspensa.

A decisão é da desembargadora Liana Cahib, que alegou mesmo sendo um direito da categoria, a paralisação prejudica a manutenção dos serviços considerados essenciais à população.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Rodoviários no Estado do Piauí (Sintetro), Fernando Feijão, divulgou um vídeo ainda no sábado para informar que a categoria acatou a decisão do TRT e suspendeu a paralisação. Feijão destacou que a decisão do TRT é temporária. “Chegamos hoje à suspensão da greve, não ao final dela, mas sim a sua suspensão em caráter provisório”.

A desembargadora estabeleceu uma multa de R$ 10 mil por dia ao Sintetro em caso de descumprimento, parcial ou total, da ordem judicial. A decisão também dispõe aos trabalhadores um aumento linear de 4% sobre os salários e tickets de alimentação.

A greve iniciou na segunda-feira (4), após a categoria reivindicar um reajuste de 8,5%, que não foi atendido pelos empresários. Na última rodada de negociação, o Sintetro propôs 4,5% de reajuste dividido em duas vezes, mas o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut) ofereceu 4% de aumento e exigiu jornada dupla. Sem consenso entre trabalhadores e empregados, a situação foi parar no Tribunal Regional do Trabalho, pois com cinco dias de greve, a população estava extremamente prejudicada.  


Fonte:  Sintetro/TRT 

Dê sua opinião: