5000onon

SESI Piauí realiza seleção de alunos que participarão de desafio nacional de robótica

 

Alunos do Serviço Social da Indústria do Piauí (SESI-PI) estão sendo submetidos a testes que vão selecionar componentes da equipe de robótica da instituição, que representará o Piauí na Olimpíada do Conhecimento, que vai acontecer em Brasília, no período de 3 a 8 de julho deste ano. Neste sentido, três equipes de cada Escola do SESI (Teresina, Picos e Parnaíba) apresentaram seus projetos para uma Comissão Técnica que vai avaliar o melhor protótipo e classificar duas equipes para participar da competição nacional.

Coube a cada uma das equipes a missão de construir um robô e, em seguida, desenvolver a programação dele. As duas equipes mais bem pontuados terão vagas garantidas para participarem do desafio nacional. Os estudantes das Escolas das cidades de Picos e Parnaíba apresentaram os projetos por meio de videoconferência diretamente para Teresina, onde a Comissão Técnica estava reunida. Já as equipes de Teresina o fizeram de modo presencial.

Para a aluna Amanda Beatriz Ramos Lima, da Escola Conselheiro Saraiva, de Teresina  “foi uma experiência fantástica. Dedicamos-nos na execução das tarefas, além de trabalhar o equilíbrio emocional”, comentou. Amanda integra a equipe que desenvolveu um protótipo de uma cadeira de rodas que dar acessibilidade aos cadeirantes ultrapassar obstáculos através da elevação de rodas, fazendo com que a mesma se adeque a qualquer lugar e ambiente desejado. 

Segundo a diretora de educação básica do SESI-PI, Kátia Luz, o SESI/DN celebrou parceria com USP para realização do Programa SESI de Ciências e Engenharia. Esta ação tem por objetivo formar coordenadores e professores da Rede SESI na utilização do método científico e de engenharia para orientar alunos que cursam ensino médio EBEP no desenvolvimento de projetos inovadores.

“Dentre as ações do programa compreende a seleção de dois projetos por Regional para participação na Olimpíada do Conhecimento 2018. No nosso DR foram desenvolvidos dez projetos que serão avaliados por uma comissão técnica para participação na referida olimpíada”, relatou Kátia Luz.




Jânio Holanda – ASCOM/FIEPI


Dê sua opinião: