5000onon

Robert Rios denuncia conluio entre Governo, Ciro Nogueira e Caixa Econômica

O deputado Robert Rios (PDT) acusou a Superintendência da Caixa Econômica Federal no Piauí de ter contribuído com o Governo do Estado para destruir provas de um crime praticado na prestação de contas da primeira parcela de um empréstimo de R$ 600 milhões, ao entregar tal prestação de contas a pedido do governador Wellington Dias, enquanto negou aos deputados da oposição cópia da mesma prestação, alegando que o pedido não foi aprovado pelo plenário da Assembleia Legislativa. Em seu pronunciamento, o deputado informou que a oposição já entrou com ação na Justiça Federal, para ter acesso à referida prestação de contas do empréstimo.

Foto: Alepi
  Foto: Alepi   

Robert Rios afirmou que o governo anulou empenhos de obras realizadas com recursos de outras fontes, para que as mesmas constassem como feitas com os recursos do empréstimo, embora tivessem sido licitadas e executadas antes da contratação. Ele acusou o secretário de Fazenda, Rafael Fonteles, de ter agido de forma inusitada, para que as obras dos empenhos liquidados constassem como tendo sido feitas com recursos do empréstimo da Caixa.

Segundo Robert Rios, a mídia nacional precisa divulgar a manobra do governo do Piauí para conseguir receber a segunda parcela de um empréstimo com documentos falsos. Ele considera que a Caixa Econômica se envolveu na trama, ao negar aos deputados da oposição a cópia da prestação de contas do governo. Ele disse também que o governo pediu a prestação de contas à Caixa para destruir provas, pois o Estado deve ter cópia do documento para proceder qualquer complementação.


Fonte; Portal Az 

Dê sua opinião: