5000onon

Firmino decreta estado de emergência em Teresina por 90 dias

O prefeito de Teresina, Firmino Filho, decretou, nesta sexta-feira (13) situação de emergência na cidade de Teresina por um período de 90 dias. Segundo informações da PMT, as regiões leste, norte e sudeste da capital apresentaram os maiores pontos de alagamento em consequências das fortes e intensas chuvas que tem caído quase que diariamente.

Os bairros mais atingidos até o momento são Vila Verde, Vila Pantanal, Conjunto São Paulo, Vila da Guia, Todos os Santos e Vila Washington Feitosa. Cerca de 250 famílias estão desabrigadas.

O documento será publicado no Diário Oficial do Município desta sexta-feira (13).

Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ 
 Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ  

O decreto autoriza a convocação de voluntários para reforço das ações assistenciais, coordenadas pela Semcaspi (Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas), com objetivo de atender à população atingida pelas chuvas. Muitas estão desabrigadas ou perderam bens. 

De acordo com os boletins meteorológicos, a tendência é de aumento nos níveis dos rios Poti e Parnaíba nos próximos dias.

Comerciantes improvisam barreiras com sacos de areia nas margens de rio

A forte chuva que atingiu Teresina na noite desta quinta-feira (12) assustou os moradores da Vila Mandacaru, zona sudeste da capital. Com medo do rio Poti transbordar e invadir suas residências, algumas famílias foram para casa de parentes buscar abrigo. 

Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ 
  Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ  

Os comerciantes da região do Encontro dos Rios, zona norte de Teresina, estão fazendo uma barreira com sacos de areia na margem do rio devido ao aumento dos níveis dos rios Poti e Parnaíba. As quadras de esportes do bairro Poti Velho já se encontram cobertas de água.

Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ 
 Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ  

O rio Parnaíba que já atingiu a "cota de atenção" na manhã de quinta-feira (12) está com quatros metros e 97 centímetros de profundidade. Segundo o CPRM (Serviço Geológico do Brasil), para decretar inundação na cidade só faltariam dois metros.De acordo com o boletim hidrológico do CPRM, a cota de atenção foi registrada por volta das 05h30 de ontem (12). O nível da água subiu quase um metro em 24 horas, ele entra em "conta de alerta" se chegar a altura de 5m e 50cm e a cota de inundação é 6m e 87 cm.

Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ 
 Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ  

O prefeito Firmino Filho também anunciou nque irá decretar estado de calamidade em Teresina para realizar ações emergenciais e assistência para as famílias desabrigadas de formais mais rápida.

*Com informações da Prefeitura de Teresina  



Por: Rebeca Lima
Fonte: Portal Az 

Dê sua opinião: