5000onon

EX-ASSESSOR RESPONSABILIZA FIRMINO FILHO PELO ASSASSINATO DE ESTUDANTE DE MEDICINA EM TERESINA

Márciano Arrais, ex-assessor de extrema confiança do prefeito de Teresina, responsabilizou, hoje, Firmino Filho, em texto publicado no seu grupo de WatsApp intitulado Xico Prime, pela morte do estudante de medicina Rayron Soares de Holanda, de 22 anos, assassinado covardemente dentro de uma estação de Ónibus da avenida Miguel Rosa, zona sul da cidade por um facínora de 15 anos que tem a proteção do famigerado ECA.    

A nota é a seguinte: 

É muito fácil para o prefeito Firmino Filho vender o seu mundo da fantasia e fazer de conta que não é com ele a parte mais importante dos problemas de Teresina.

Por isto mesmo, os cidadãos da cidade sabem muito bem que em todo lugar do mundo a primeira pessoa que se procura e que é o responsável pelos problemas é o prefeito.

No atentado do jornal em Paris, quem estava na frente de tudo era o prefeito da cidade. Em Nova Iorque, no atentado das torres gêmeas, também o prefeito estava na frente de tudo.

Voltando para o Brasil, quando tem desastre em Petrópolis, ou Niterói, lá está o prefeito na frente de tudo, para ajudar a população.

Ou seja, causas naturais, acidentais, ou a questão de segurança, o prefeito é o primeiro a procurar soluções para os problemas.

Aqui, de forma bisonha e desonesta, o prefeito Firmino tenta colocar a culpa exclusivamente no governador. Claro que o governo tem suas limitações, mas, pelo que conseguiu ser um dos poucos que mantém a folha de pagamentos em dia, e, ainda se encontra em oitavo lugar no ranking dos estados em condições financeiras mais ou menos equilibradas.

Já a prefeitura de Firmino se transformou em um poço fundo de informações obscuras, que fazem a população e os servidores temerem o futuro imediato.

Já tem quem diga que pode haver atraso no pagamento dos salários dos servidores da prefeitura no próximo ano. A boca pequena, funcionários da secretaria de finanças do município já soltaram essa bomba para o Xico aqui.

Claro que o prefeito vai negar, mas a escalada dos desvios das poucas obras vai terminar sobrando mesmo para o servidor municipal, ou para os pensionistas e aposentados. Um perigo verdadeiro.

Voltando para o caso do estudante de medicina que foi morto pela omissão da prefeitura de Teresina, ninguém pode esquecer que o prefeito Firmino Filho tem uma quantidade sem necessidade de militares dentro de seu gabinete, podendo os mesmos estarem nas paradas de ônibus.

E os outros, que andam nos carros da STrans  poderiam ajudar no patrulhamento da cidade, ajudando a guarda municipal, e, principalmente, resguardando a sociedade nas paradas de ônibus.

Esse dever, prefeito Firmino, é seu. A omissão, prefeito Firmino, é sua. A culpa, prefeito Firmino é sua. A cidade é sua vítima. E vc é algoz de Teresina. 


Fonte: Feitosa Costa 

Dê sua opinião: