5000onon

Ciro busca apoio de empresários e recebe carta com reivindicações

O presidente nacional do Progressistas, senador Ciro Nogueira, participou de almoço com empresários piauienses promovido por meio do Sistema Fecomércio na segunda-feira (28). Candidato à reeleição, o senador busca o apoio dos empresários e recebeu uma carta com reivindicações, que, de acordo com a classe, vem prejudicando o desenvolvimento empresarial no Estado.
O encontro aconteceu no Salão Nobre do Prédio Agostinho Pinto, no centro da capital.
 
A carta  defende, entre outros pontos, a manutenção da reforma trabalhista, que para os empresários tem como principal característica a valorização da negociação coletiva. “Trata-se de uma lei moderna, que amplia os horizontes do capital e trabalho visando estabelecer condições e segurança jurídica para uma boa relação de labor entre empregado e empregador”, afirmou o presidente do Sistema Fecomércio Valdeci Cavalcante.
 
Durante o encontro, os empresários apresentaram suas dificuldades pessoalmente, como à alta carga tributária e a burocracia exagerada. A insegurança jurídica, dificuldade de acesso ao crédito e a falta de segurança do Estado também foram pontos levantados pelos presentes.  “O empresariado brasileiro vem sofrendo com uma das maiores crises da história do país, em um momento extremamente desfavorável à atividade empresarial e empreendedora”, diz trecho da carta entregue ao parlamentar.
 
O segmento empresarial do Piauí reivindica a Reforma Previdenciária, sobretudo no que se refere ao custeio e benefícios da Previdência Social, Reforma Tributária, onde o Brasil tem uma das mais elevadas do planeta, com mais de 60 tributos incidentes em todas as esferas (município, estados e União), Sistema Integrado de Segurança Pública, além da modernização do Código de Processo Penal para que a sociedade tenha a clareza da punição devida aos criminosos. Participaram do encontro ainda, a vice-governador, Margarete Coelho, o presidente da Federação das Indústrias do Piauí - FIEPI, Zé Filho, o deputado federal, Júlio Cesar, o deputado estadual, Júlio Arcoverde e o vereador Aluísio Sampaio.

 

Lídia Brito
Com informações da Ascom
[email protected]

Dê sua opinião: