5000onon

Apresentação do IV Desafio SENAI de Projetos Integradores

Nesta terça-feira (09), a diretoria de educação tecnológica do SENAI do Piauí, realizou na sede da Federação das Indústrias do Piauí - FIEPI, a apresentação do IV Desafio SENAI de Projetos Integradores para gestores, coordenadores, pedagógicos, técnicos e consultores das unidades operacionais do SENAI. A iniciativa visa estimular alunos e instrutores de cursos técnicos a elaborar projetos que busquem soluções criativas para os gargalos do setor produtivo da indústria brasileira.

O Desafio SENAI de Projetos Integradores é uma iniciativa da instituição para desenvolver, em seus alunos de cursos técnicos, a capacidade de trabalhar em grupo, propor ações inovadoras e pensar de forma empreendedora. Essas competências são cada dia mais requeridas nas organizações, onde o trabalho em equipe com profissionais de diversas áreas tem se mostrado fundamental para o sucesso de uma ação.

O Desafio é dividido em duas etapas: regional e nacional. Na fase regional, os alunos de cada unidade do SENAI formam equipes de dois a quatro integrantes envolvendo, no mínimo, dois cursos técnicos, para a apresentação de soluções inovadoras para problemas reais da indústria brasileira. Os alunos devem elaborar projeto, protótipo, Canvas Busines Model e apresentação no formato pitch.

No Piauí, o projeto é coordenado pela diretora de educação tecnológica do SENAI do Piauí, Sandra Athaíde e tem como interlocutora do projeto, Mônica Lira, que durante a reunião, prestou orientações para prospecção de demandas das indústrias, além de apresentar as fases do desafio, as novas regras e a premiação dos ganhadores. Esse ano a novidade é a premiação de uma impressora 3D para os Departamentos Regionais que mais apresentarem inscrições de demandas industriais.

A Metodologia SENAI de Educação Profissional leva para as salas de aula os desafios que fazem parte do cotidiano das indústrias, proporcionando aos alunos a capacidade de solucionar problemas, o fortalecimento da cultura da inovação e o contato mais próximo com a indústria.

Para a interlocutora do projeto, é a oportunidade para os empresários contribuírem com a formação profissional dos jovens com o perfil profissional que o mercado de trabalho exige. “Que sejam criativos, procurem inovação, tenham autonomia, saibam analisar situações e propor soluções. E através dos projetos integradores ele tem a oportunidade de vivenciar tudo isso. Além de aproximar o aluno do SENAI com a indústria”, afirmou.



Larissa Teixeira - Ascom FIEPI



Dê sua opinião: