Rebeliões no Piauí podem ter comando nacional

O Serviço de Inteligencia da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Piauí investiga há algum tempo se os movimentos de rebelião de presos recolhidos aos presídios do Estado obedecem a algum tipo de comando nacional a partir de grandes estabelecimentos penais do Rio de Janeiro e São Paulo. A investigação é mantida sob sigilo mas soube-se que foram encontrados indícios de que algumas ações teriam sido orquestradas.

A inteligência da Secretaria de Justiça do Estado, comandada pelo advogado Daniel Oliveira, também tem monitorado alguns movimentos. Recentemente presos foram transferidos de Campo Maior para Altos com a finalidade de evitar movimentos que levaram a rebeliões dentro dos presídios.

Resultado de imagem para casa de custodia

 (Foto: Reprodução)

Dê sua opinião: