5000onon

Quadrilha armada com fuzis explode banco em Oeiras

Policiais militares inspecionam o local da explosão
 Policiais militares inspecionam o local da explosão ( Foto: Reprodução/TV)  

Dez assaltantes, encapuzados e armados com fuzis e pistolas, explodiram a agência da Caixa Econômica Federal em Oeiras, a 320 km de Teresina, de onde levaram todo o dinheiro de um dos caixas eletrônicos. A quadrilha chegou em duas picapes Toyota SW4, também usadas na fuga, depois de uma troca de tiros com policiais militares. 

O ataque à agência da Caixa aconteceu por volta de1h45, quando o bando usou dinamite para explodir os caixas eletrônicos. Depois de pegar o dinheiro, os assaltantes renderam o vigia de uma casa lotérica, que funciona em frente ao banco, e fugiram atirando. O refém foi liberado na Avenida Transamazônica. 

“Chegamos lá na mesma hora, pois quando houve o primeiro disparo a polícia estava próximo, no mesmo quarteirão da agência. Houve troca de tiros e eles estavam bem armados. Eles conseguiram arrebentar apenas um dos dez terminais... acreditamos que eles conseguiram levar o dinheiro”, adiantou o comandante do 14º Batalhão da Polícia Militar de Oeiras, major-PM Jorge Neto. 

Policiais militares da Força Tática das cidades de Floriano e Simplício Mendes estão em diligência desde a madrugada, para tentar localizar os assaltantes, que podem ser os mesmos que explodiram a agência do Banco do Brasil em Pio IX, na madrugada de quarta-feira (4). 

A Polícia Militar de Oeiras disponibilizou os números para denúncias que possam levar à prisão do bando [os números dos celulares são da operadora Claro]:
 
 -190 ou também no número: (89)3462 1233 - 14° BPM;
 - (89) 9 8802 9539 (Whatsapp) - COPOM (Centro de Operação Policial Militar);
 -Viatura TROVÃO - (89) 9 8802 9531;
 -Viatura BRAVO - (89) 9 8802 9541;
 -FORÇA TÁTICA - (89) 9 9460 0291;
 -Gtm (Motos) - 994078088. 

   O que sobrou da agência da Caixa Econômica Federal em Oeiras 
 O que sobrou da agência da Caixa Econômica Federal em Oeiras, no interior do Piauí (Foto: Reprodução)   



Fonte: Paulo Pincel
Piauí Hoje.com 



Dê sua opinião: