5000onon

Irmão de ex-deputado é demitido do cargo de delegado

Polícia Civil do Maranhão 
 Policia Civil Maranhão

O delegado de Polícia Civil Sérgio Luís Rego Damasceno, irmão do ex-deputado e ex-prefeito de Barras Manin Rego, foi exonerado do cargo na quarta-feira (4) pelo governador do Maranhão, Flávio Dino. Sérgio Rego respondeu a Processo Administrativo Disciplinar instaurado pela Secretaria de Segurança Pública, através da Portaria n°118/2008. 

O delegado Sérgio Rego se disse surpreso com a demissão sem direito sequer de ser ouvido, já que não houve punição na Corregedoria de Polícia Civil. “Nem advertência houve”. 

O voto do relator do processo no Conselho de Polícia Civil, Marconi Chaves Lima, foi pelo arquivamento da denúncia contra o delegado que é natural de Barras, por entender que "não restou configurada a alegada falta funcional". Porém, o Conselho decidiu, por maioria, pela demissão. A demissão foi publicada no Diário Oficial do Estado, na edição da última quinta-feira, 04 de maio de 2017. 

A Corregedoria de Polícia Civil do Maranhão instaurou Processo Administrativo Disciplinar ainda em 2008, para apurar suposta improbidade administrativa do delegado Sérgio Rego, que é advogado, que teria se omitido em relação às prisões ocorridas em 2005, em São Francisco do Maranhão, onde era delegado. Policiais militares prenderam vários acusados de crimes como agiotagem, fraude contra o INSS, retenção de cartões de benefícios de idosos, porte ilegal de armas e outros. O delegado Sérgio Rego estava em Paraibano, em missão, quando houve as prisões. 

Com a ausência do delegado titular, as prisões não foram formalizadas, isto é, os autos de prisão em flagrante não foram lavrados e nem oficiados ao delegado. Após serem libertados, todos os presos denunciaram o delegado por prisão ilegal na Promotoria de Justiça, que levou o fato à Corregedoria de Polícia Civil. 


Fonte: PM-MA 

Dê sua opinião: