Wilson diz que PSB não vai aderir a Wellington

O ex-governador Wilson Martins me disse, no final da manhã de hoje, que não tem fundamento os rumores segundo os quais o PSB ( Partido Socialista Brasileiro ) que ele preside no Piauí estaria se preparando para ocupar os espaços do Progressistas no Governo caso o senador Ciro Nogueira decidisse romper com Wellington Dias em consequência dos últimos acontecimentos.

Resultado de imagem para wilson martins

Wilson Martins        (Foto: Reprodução)


Os acontecimentos

O Progressistas, nacionalmente comandado por Ciro Nogueira, e pelo deputado Júlio Arcoverde, a nível estadual, anunciou há alguns dias que não votaria a favor de aumento de impostos como estabelecia projeto encaminhado pelo Governo para a Assembléia Legislativa.

Negociações

Houve algumas negociações para os Progressistas recuarem da decisão mas, em reunião na casa de Ciro Nogueira, contando inclusive com a participação da vice-governadora Margarete Coelho, ficou acertado que o partido não recuaria por não acatar a politica de aumento.

Estrategia

Nessa situação o Governo teria três votos contrários que se somariam aos oposicionistas proporcionando uma margem que poderia não ameaçar mas que teria significado politico.

Suplentes

Entre os três votos estavam dois de suplentes, B.Sá Filho e Belê Medeiros. Foi ai que o Governo resolveu devolver quatro secretários titulares de mandatos para viabilizar a saída dos dois suplentes do Progressistas.

Repercussão

A manobra, anunciada em primeira mão pela TV Antena 10, irritou a direção do Progressistas, que ficaria mais irritada ainda no dia seguinte, quando deputados da base do Governo tentaram substituir o deputado Júlio Arcoverde na comissão de finanças da Assembléia.

Traiçoeira e covarde

A partir dai o deputado Júlio Arcoverde passou a chamar a manobra politica de "traiçoeira e covarde" levando a maioria dos parlamentares a comentar que estaria começando ali um rompimento definitivo do partido de Ciro com o Governo.

Resultado de imagem para Júlio Arcoverde

Júlio Arcoverde       (Foto: Reprodução)


Substituto

Foi dentro desse clima que surgiram os comentários, entre parlamentares, de que Wilson Martins e Wellington Dias estariam conversando sobre uma possivel adesão do PSB ao Governo.

"Chance zero"

O deputado Gustavo Neiva disse no inicio da tarde de ontem a este repórter que existe "chance zero" de o PSB aderir ao Governo de Wellington Dias.

Resultado de imagem para Deputado Gustavo Neiva

Deputado Gustavo Neiva      (Foto: Reprodução)

Dê sua opinião: