5000onon

Corregedoria não enquadra por homicidio policiais que abordaram família

A Corregedoria da Polícia Militar do Estado deve enquadrar por "tentativa de homicídio seguida de morte e disparo em via pública", e não por homicídio doloso o cabo Francisco Vinicius Alves e o soldado Aldo Barbosa Dornel, reponsáveis pela abordagem, no final da noite da última segunda-feira, na avenida João XXIII, em frente à Alemanha Veículos, que resultou na morte de uma menina de 9 anos, filha do casal Evandro da Silva Costa e Daiane Felix, que estavam a bordo de Renault Clio com mais dois menoresEvandro, que é cantor, e a mulher também foram atingidos e sustentam que os policiais chegaram atirando.O novo enquadramento dos PMs é visto como uma tentativa de protegê-los uma vez que o perito da Polícia Civil que fez o levantamento já atestou que houve um homicidio., tentativa de homicidio e alteração do local do crime..   

Essa matéria foi publicada originalmente do Portal GP1.

Dê sua opinião: