5000onon

Como ter orgasmos mais intensos? Sex toys podem ajudar; confira os melhores

Em 31 de julho é celebrado o Dia Internacional do Orgasmo, uma data que pode parecer desnecessária, mas é importante para trazer consciência de que dar e sentir prazer é algo natural. O problema é que o sexo ainda é cercado de tabus e preconceitos que fazem com que o prazer seja reprimido, levando muitos homens a não explorar o próprio corpo. Isso é algo tão comum que saber como ter orgasmos mais intensos, por exemplo, é uma dúvida frequente, e a resposta pode estar no uso de sex toys.

   
 Shutterstock 

A grande questão é que o mercado de brinquedos eróticos ainda é mais buscado pelas mulheres, isso já foi pesquisado e comprovado, então é natural que a vendas de sex toys sejam mais direcionadas ao público feminino, mas isso não significa que os produtos são só para mulheres. Felizmente, os homens estão se livrando dos tabus e aprendendo a como ter orgasmos mais intensos explorando áreas erógenas do corpo com o auxilio de acessórios sexuais.

O número de homens que estão comprando sex toys vem aumentando gradativamente. Segundo Ana Magalhães e Mariana Monné, sócias da loja virtual de produtos eróticos Miss Scarlet, atualmente o público masculino corresponde a 40% da clientela do site que gerenciam.

Como ter orgasmos mais intensos?  

   
  Shutterstock 

Os sex toys não servem apenas para a masturbação, eles também podem ser introduzidos na relação sexual e aumentar o prazer do casal na cama. Existem inúmeras opções de produtos e diversos deles são pensados para quem busca saber como ter orgasmos melhores e mais intensos durante o sexo. 

Dentre os vários acessórios sexuais masculinos, os mais indicados pelas especialistas Ana e Mariana são os estimuladores de próstata e os anéis penianos, por garantirem um orgasmo mais intenso para o homem.

“A próstata é considerada o ponto G masculino, devido à grande quantidade de terminações nervosas que tornam a área bastante sensível e altamente erógena. Como está localizada na região do períneo, muito próxima ao ânus, poucos homens se permitem desfrutar deste prazer incrível, principalmente por conta dos preconceitos relacionados à masculinidade”, afirmam as sócias.

As especialistas explicam que o estimulador de próstata ajuda o homem a experimentar um orgasmo mais intenso, pois, ao inserir o objeto no ânus, ele massageia diretamente essa glândula que libera uma surpreendente energia sexual. Existem vários modelos de estimuladores e alguns até vibram para aumentar e potencializar o momento da estimulação.

Já os anéis penianos atuam como constritores (apertam a circulação) e facilitam controlar a ereção. Como é um acessório que é colocado na base do pênis, a saída do esperma também é constringida e isso proporciona orgasmos mais explosivos. 

“Os anéis são feitos de vários materiais, cores e texturas, sendo os de silicone os mais fáceis de usar, pois se adaptam a qualquer tamanho de pênis. Alguns anéis também possuem motor, o que é sempre uma vantagem, pois eles estimulam o clitóris durante o sexo, aumentando o prazer para ambos os parceiros”, explica Ana.

Como ter orgasmos sem descuidar da saúde e da parceira

     
Shutterstock 

Os sex toys podem, sim, ajudar a aumentar o prazer individual e do casal, mas como é algo que será usado no corpo é preciso ter um cuidado redobrado na hora de comprar. “Preze pela qualidade porque, como qualquer produto, o barato pode sair caro. Portanto, é preciso ficar atento aos materiais e ingredientes usados na fabricação. Procure por marcas reconhecidas no mercado que usam matérias-primas certificadas e que oferecem garantia”, alerta Mariana.

Outra dica das sócias é ter um diálogo claro com a parceira antes de tentar introduzir um sex toy na relação, assim ambos deixam claro o que desejam experimentar para descobrir como ter orgasmos mais intensos. “Chegar na hora H e apresentar um plug anal pode ter o efeito contrário ao esperado”, exemplificam. Depois de entrar em um consenso e escolher um acessório, é sempre importante ler as instruções de uso do produto para saber como usar e aproveitar ao máximo o prazer que ele tem a oferecer.

Também é importante focar na higiene dos produtos e sempre usar lubrificantes, preferencialmente os que são à base de água. Os lubrificantes são importantes porque, além de facilitar e muito a penetração reduzem significativamente a chance de algum tipo de lesão na hora do sexo e de experimentar acessórios para saber como ter orgasmos melhores.

“Os lubrificantes à base de água são os mais recomendados porque não há qualquer restrição ao seu uso relacionada a alergias e contaminações. Já os lubrificantes à base de óleo podem ser prejudiciais ao látex da camisinha”, explica Ana.

Ela também fala que os lubrificantes feitos à base de silicone podem ser utilizados, mas são recomendados para usar na água, pois não são absorvidos pelo corpo, portanto para o sexo no chuveiro, na banheira e na piscina, esse lubrificante é a melhor opção.

Mariana acrescenta que, após usar o sex toy, é fundamental fazer a higienização dele para evitar qualquer tipo de contaminação, seja de alguma DST ou até mesmo de bactérias. “Dessa forma, mesmo com o uso de camisinha, todo acessório sexual deve ser lavado com água ou sabão. Para aqueles poucos que não são à prova d’água, recomenda-se passar um pano umedecido com álcool”.

Na hora armazenar, também é preciso cuidado. “Para quem ainda não tem uma caixinha específica para isso, o melhor é guardar o sex toy na própria embalagem, sem as baterias. Aqueles carregados via USB (a grande maioria atualmente), recomenda-se fazer uma recarga uma vez por mês”, alerta Mariana. 

Sair da rotina também é dica de como ter orgasmos

   
 Shutterstock 

Seguindo essas orientações básicas, o prazer, seja pessoal ou do casal, pode aumentar e tirar o sexo da velha rotina. “Há milhões de casais que rotineiramente praticam sexo, e a relação é ótima para ambos. Para os outros milhões, o sexo tradicional já não satisfaz, e os sex toys são a indicação perfeita, pois trazem outras possibilidades de como ter orgasmos mais intensos, descobrindo novas zonas erógenas, novas sensações. Fora que isso aumenta a intimidade no casal, que passa a se comunicar melhor”, conclui Mariana.

 

Fonte:IG/Delas

Dê sua opinião: