5000onon

Rio Parnaíba atinge sua cota de inundação e famílias são retiradas de suas casas

O rio Parnaíba, na altura do município de Luzilândia, já atingiu sua cota de inundação. A Defesa Civil vem emitindo um alerta sobre o fato nos últimos dias e neste sábado (14) o Sistema Geológico Brasileiro confirmou que o nível da água ultrapassou seu limite, que é de 5,70 metros.

Gráfico que mostra o alerta do Sistema Geológico Brasileiro sobre o nível da água (Foto: reprodução) 
  Gráfico que mostra o alerta do Sistema Geológico Brasileiro sobre o nível da água (Foto: reprodução)  

O nível da água vem subindo rapidamente nos últimos dias, por conta das fortes chuvas que atinge todo o Estado. Com isso, a previsão é que o Rio Parnaíba continue a subir no município. No último dado divulgado, a altura alcançada pela água ultrapassava 5,76 metros. Já invadindo a área urbana da cidade.

Equipes da Defesa Civil permanecem da cidade auxiliando a retirada das famílias que residem em áreas de risco. Cerca de 25 famílias devem ser desabrigadas só neste sábado. Essas pessoas estão sendo levadas para casas de parentes, longe dos locais de possíveis inundações ou para abrigos fornecidos pela prefeitura.

Rio invade área urbana da cidade (Foto: Defesa Civil)
   Rio invade área urbana da cidade (Foto: Defesa Civil)  

Entenda o caso

As fortes chuvas que vêm caindo fizeram com que alguns rios do Estado e barragens excedessem o volume limite de água, ameaçando ribeirinhos.

Cerca de 15 mil pessoas que residem em áreas de risco de inundação estão sendo assistidas por órgãos estaduais e municipais. Estão em alerta os municípios de José de Freitas, Lagoa Alegre, Cabeceiras, Esperantina, Batalha, Barras, Joca Marques, Madeiro, Luzilândia, Campo Maior e Pimenteiras.

A barragem do Bezerro, por exemplo, apresentou o quadro mais grave. No último domingo (08) um pescador que passava pelo local verificou que havia um vazamento no paredão do reservatório. Desde então Bombeiros, Exército e Defesa Civil, com o auxílio de engenheiros, trabalharam no sentido de evitar uma inundação. O volume de água da barragem já reduziu em 60 cm depois dos trabalhos de escoamento no local.

Barragem do Bezerro (Foto: Divulgação) 
 Barragem do Bezerro (Foto: Divulgação)  

Depois de vistoria técnica realizada na últma quarta-feira (11), o governo do Estado informou que a infiltração identificada na parede do reservatório cessou, diminuindo a pressão sobre a estrutura. Com isso a possibilidade de rompimento não existe mais. Mesmo assim o estado ainda é de alerta.

Teresina

Na capital a situação também não é diferente. Na manhã da última quinta-feira (12), o rio Parnaíba, chegou a quatro metros e 97 centímetros, atingindo assim a cota de atenção. Por conta disso o prefeito Firmino Filho (PSDB) anunciou, na manhã de hoje, que irá decretar estado de calamidade na capital.

Segundo o gestor, atualmente, há na capital cerca de 250 famílias desabrigadas devido às fortes chuvas que caíram recentemente. Com o decreto, as ações emergenciais e ajuda a essas pessoas acontecerá de forma mais célere.  



Fonte: Portal Az 

Dê sua opinião: