5000onon

Donos de postos pedem intervenção do Estado para fim de manifestação

Reunião dos empresários na Alepi 
 Foto: Piauí Hoje

Os donos de postos de combustível de Teresina estiveram na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) na manhã desta segunda-feira (28), em reunião com o presidente da casa, deputado Themístocles Filho, e com o secretário de Segurança Pública do Piauí, coronel Rubens Pereira, para pedirem que o Estado intervenha na greve dos caminhoneiros em Teresina. 

Os empresários consideram que a greve já deveria ter acabado, e que ainda há focos de resistência no terminal de petróleo de Teresina, na zona Sudeste. Os donos de postos dizem que não estão tendo como receber os combustíveis porque as saídas do terminal de petróleo estão bloqueadas, impossibilitando que os caminhões sigam para abastecer os postos.  

“Estamos neste momento tentando desobstruir completamente o terminal de petróleo diante de uma notificação do Ministério Público Federal. Alguns motoristas de aplicativos já saíram de lá, porém alguns populares permanecem. [...] ainda há algumas resistências à nível nacional, se necessário será preciso a atuação das forças de segurança para fazer valer o abastecimento na área da saúde e segurança pública”, diz o Secretário de Segurança, coronel Rubens Pereira. 

O presidente da OAB-PI, Chico Lucas, também participou da reunião e disse que os caminhoneiros estão sendo porta-vozes da atual situação do país. “Está insustentável viver nos grandes centros, a alimentação está muito cara, o preço do combustível está muito caro, a mobilidade urbana também está insustentável, então é um sinal e as pessoas têm que entender e levar como muita seriedade”, diz Chico Lucas. 



Fonte: Paulo Pincel
Piaui Hoje.com 


Dê sua opinião: