Corso: veja orientações de segurança para curtir a folia na Raul Lopes

 
 Foto: Reprodução Cidadeverde.com

A dinâmica do Corso é definida pela população. Como o número de caminhões deve ser próximo ao número inscrito ano passado, a tendência é que mais pessoas curtam a folia do chão. Para isso, é importante ficar atentos a algumas recomendações de segurança e de socorro na avenida Raul Lopes.

SEGURANÇA

Cerca de 1.200 policiais entre civis, militares, rodoviários federais estarão na avenida. 20 pontos elevados serão montados em todo percurso para que a população e os próprios militares possam ter uma visualização melhor um do outro. Mesmo assim é importante levadas em consideração algumas recomendações da Polícia Militar. Veja quais são: 

- Se beber não dirija;
- Utilizar transporte público, táxi, uber ou carona para chegar à avenida;
- Não levar objetos de valor que chamem atenção: relógio, joias, bolsas, etc;
- Evite deslocamento por ruas desertas e mal iluminadas sozinhos;
- Identifique pontos de apoio: polícias, Samu, serviços de Taxi;
- Ande sempre acompanhado;
- Ao usar celular procure local seguro;
- Evite levar bebidas em garrafas de vidro, vão para avenida com espírito “desarmado”;
- Leve apenas um documento com foto e a carteira do plano de saúde;
- Se levar crianças, identifique-as com pulseiras;
- Não aceite bebida de estranho e tenha controle do seu copo, latinha ou bebida;
- Não se envolva em confusões, discussões ou brincadeiras que possam causar problemas;
- Qualquer irregularidade observada procure o policial militar mais próximo;
- No caso de furto ou roubo, comunique imediatamente ao policial militar mais próximo ou ligue 190
- Não reaja, sua vida não tem preço!

O Corpo de Bombeiros também estará na avenida com a ambulância do resgate e de combate a incêndio.

SAÚDE

Uma ambulância do SAMU e motolâncias estarão no local para atender possíveis demandas e para, caso necessário, fazer o deslocamento do paciente para os hospitais da região, que estarão preparados para atender as demandas. 

Um Centro Integrado de Atendimentos está sendo montado no estacionamento da Ponte Estaiada, onde dez macas e materiais diversos ficarão à disposição para que os profissionais de saúde atuem no local atendendo os foliões.

“Toda a rede hospitalar da capital está preparada para atender os foliões. Médicos e equipe extra de enfermagem estarão atuando no Hospital da Primavera como ponto principal de apoio ao Corso, pois é a unidade que fica mais próxima do local da festa. Além disso, também no Hospital da Primavera, haverá uma ambulância do SAMU para casos que precisem de deslocamento de pacientes”, informa a diretora de enfermagem do SAMU Teresina, Eronice Moraes.

Eronice informa ainda que o Corpo de Bombeiros é parceiro e vai disponibilizar duas ambulâncias próprias ao longo da Avenida Raul Lopes. “Ambulâncias do SAMU e da Polícia Rodoviária Federal também estarão presentes no trajeto”, finaliza Eronice.

Quanto à fiscalização dos alimentos a venda no evento, a Vigilância Sanitária do município estará presente. A partir das 8 horas de sábado (3), 10 equipes de fiscais estarão na Avenida Raul Lopes, onde acontece o Corso, para analisar as condições higiênicas e sanitárias do comércio ambulante de alimentos, bem como propor medidas de controle sanitário no momento da inspeção e apreensões de produtos impróprios para o consumo. Os vendedores devem estar uniformizados, usando avental, touca e luvas. O responsável pelos alimentos não deve manipular dinheiro nem usar nenhum tipo de adorno. 

TRANSPORTE

Por ser o maior evento da cidade, em se considerando a aglomeração de pessoas, recomenda-se que as pessoas vão para o evento utilizando o transporte público ou os serviços de táxi e mototáxi, ou dos aplicativos como o Uber e o 99POP. 

Os pontos de táxis e mototáxis ficarão situados em locais estratégicos para facilitar o acesso a todas as áreas da cidade. Serão oito pontos: na alça da Ponte JK, no sentido oeste/leste; na alça da Ponte Estaiada no sentido leste, próximo ao Bar Estaleiro; na rotatória da Lojas Pintos; na Avenida Universitária, próximo ao Posto São Raimundo; na Avenida Elias João Tajra; na Avenida Duque de Caxias com a Avenida Petrônio Portela, no sentido norte/sul; e ainda na Avenida Jóquei Clube com a Avenida Ininga.

A organização do trânsito ficará por conta da Strans e da Polícia Rodoviária Federal, que fará a sinalização na Avenida João XXIII e das vias que dão acesso à festa além da realização de blitze. “A Ponte da Primavera será fechada totalmente a partir das 6h do sábado. As demais pontes estarão livres para circulação de veículos. Este ano a Avenida Marechal Castelo Branco estará toda liberada”, informa o diretor de Operação e Fiscalização da Strans, Jaime Oliveira.

A avenida Marechal Castelo Branco não será bloqueada, portanto é importante que os foliões se atentem a isso para não correrem risco de acidentes.

Wilson Filho/Cidadeverde.com

CONCENTRAÇÃO

Os veículos poderão se posicionar a partir das 12 horas na avenida Petrônio Portela, iniciando em frente a Polipedras, no sentido Leste/Centro. O evento começa às 16h e os veículos deverão transitar em faixas estabelecidas e sinalizadas pela organização do Corso, através das grades de proteção.


PERCURSO

O percurso será por toda a extensão da avenida Raul Lopes, a partir da ponte da Primavera, passando pela ponte Estaiada e a dispersão acontece a partir do primeiro balão do Shopping Riverside, sendo proibido estacionar a partir deste ponto.

São esperados pela prefeitura cerca de 300 mil foliões na avenida, que além dos caminhões será destaque o público a pé. 

DIVULGAÇÃO

Toda a cobertura do corso você poderá acompanhar pela TV Cidade Verde a partir das 16 horas e no portal Cidade Verde em tempo real. Nas redes sociais, os internautas poderão participar usando a hastag #corsocidadeverde. No aplicativo CVPlay você também terá toda a cobertura.




Caroline Oliveira
[email protected]
Fonte: Cidadeverde.com 


Dê sua opinião: