5000onon

Senado recebe ex-senadores em sessão temática

Em sessão requerida pelo senador Roberto Requião (PMDB-PR), com base em sugestão da ex-senadora Ideli Salvatti, ex-senadores e ex-senadoras debateram a soberania nacional, todos eles demonstrando conhecimento sobre a realidade do país.

Segundo Requião, que dirigiu o debate, o Estado social brasileiro hoje está sob evidente ameaça, por conta da atuação de um governo que abraçou o liberalismo – que ele definiu como “uma espécie de zumbi que está agonizando na Europa e pediu asilo no Brasil”.

Para o senador, as recentes medidas implantadas pelo governo, como reformas e planos de privatização, atentam contra a Constituição Cidadã e contra o Estado de bem-estar social. Requião discursou sobre
políticas liberais ao redor do mundo e suas influências no Brasil.

Na visão da ex-senadora Emília Fernandes, soberania nacional é defender os interesses do povo. Ela disse que a crise do capitalismo mundial aumenta a situação já difícil do trabalhador e reforça a concentração de renda. Segundo a ex-senadora, as políticas liberais hoje colaboram com a xenofobia e com o individualismo, com a exclusão de temas progressistas nos parlamentos.

Os senadores Paulo Paim (PT-RS) e Regina Sousa (PT-PI) e os ex-senadores Ana Júlia Carepa, João Pedro, Maguito Vilela e Donizeti Nogueira também participaram do debate. Os ex-senadores Renato
Casagrande, Inácio Arruda, Benedita da Silva, Eduardo Suplicy, Aloizio Mercadante e José Paulo Bisol enviaram vídeos com mensagens de apoio à temática da sessão – que foi encerrada com um trecho do discurso de despedida de Pedro Simon no Senado.

Jucá é hostilizado em avião

O senador Romero Jucá não anda com muita sorte. Depois de ter sido esculachado pela colega Kátia Abreu, que o chamou de crápula, em discurso na tribuna, ele foi insultado por uma passageira durante um
vôo de Brasília para São Paulo. A passageira se chama Rúbia Sagaz. Ela quis saber se o senador tinha estancado a Lava Jato, ele reagiu chamando-a de petista e ainda tentou tomar o celular da provocadora,
sem êxito, quando já era filmado por outros passageiros.

Caminhada em Água Branca

A população de água Branca realizará caminhada neste sábado, a partir das 16 horas, em protesto contra a falta de segurança pública em toda a região do Médio Parnaíba. O deputado Dr. Pessoa deu a informação na sessão de ontem (30), anunciando que estará presente. Ele disse que não culparia diretamente o secretário Fábio Abreu pela falta de segurança na região, por achar que ele não tem os meios necessários para conter a violência. “No Médio Parnaíba a polícia faz suas diligências andando de bicicleta ou a pé” – ironizou o deputado.

Propaganda suspensa

Sem ter votos suficientes para aprovar a reforma da Previdência, o presidente Temer partiu para a propaganda. Mas a Justiça  Federal suspendeu os anúncios na televisão. O mote da propaganda era o
“Combate aos Privilégios”. A decisão da juíza federal Rosimayre Gonçalves de Carvalho, da 14ª Vara Federal do Distrito Federal, é liminar e atendeu a um pedido da Associação Nacional dos Auditores
Fiscais da Receita Federal (Anfip) e da Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Fenafisco).

TRT recebe homenagem

A Assembleia realizou na manhã de ontem (30) sessão solene em homenagem aos 25 anos de instalação da 22ª Região do Tribunal Regional do Trabalho em Teresina. O deputado Aluísio Martins foi o autor da
proposta, na condição de ex-servidor do TRT e atualmente advogado da união licenciado. “Mais de 80% dos servidores do TRT têm curso superior, tanto que pela segunda vez consecutiva o TRT recebeu o selo
de ouro do Conselho Nacional de Justiça. É uma instituição que merece ser homenageada”, disse o deputado Aluísio Martins

W. Dias irá ao exterior

Foi lido na sessão de ontem (30) da Assembleia, pedido de autorização, transformado em Projeto de Resolução n° 12, onde o governador Wellington Dias solicita o aval do Legislativo para se ausentar do
país, no período de 5 a 14 de dezembro, em viagem particular à Filadelfia, no Estados Unidos, acompanhado da esposa, Rejane Dias, onde vão acompanhar o tratamento da filha Daniele.

Agespisa tem novo presidente

O novo presidente da Agespisa é um vereador petista de Piripiri, de nome Genival Sales, funcionário de carreira do órgão. Feita a nomeação pelo governador Wellington Dias, o novo diretor será sabatinado pela
Assembleia, em data ainda não definida, mas que não passará da primeira quinzena do corrente. O novo presidente já tem uma das prioridades de sua gestão: a solução imediata para dificuldades em
abastecimento em 17 municípios. O caso mais grave é no município de Pedro II, onde há risco de colapso.

 Lula defende referendo

O ex-presidente Lula afirmou ontem (30) durante plenária da Federação dos Sindicatos de Metalúrgicos da CUT São Paulo (FEM/CUT-SP), em São Bernardo do Campo, que independente de quem vença as eleições presidenciais do próximo ano será obrigado a encaminhar um referendo para anular políticas adotadas pelo atual governo. Para ele, se o eleito não tiver coragem de fazer um referendo revogatório não vai conseguir governar.

O humor de cada dia


 O cara chegou num baile sem roupa adequada, mas conseguiu emprestado oterno de um amigo que resolveu não entrar no salão. Devidamente trajado ele começou a tomar umas e outras, até que o dono da roupa reclamou, na vista de todo mundo: “você vai acabar pondo nódoa no meu terno”. O dono da festa tomou conhecimento e se dirigiu ao cara “humilhado”, pedindo que ele usasse uma roupa nova que estava em seu quarto e devolvesse a do outro que o humilhou. Feita a troca, tudo se normalizou, mas quando chegou no intervalo do baile o dono da festa se dirigiu ao cara, que já estava com uma namorada, dizendo assim: “olha aí, deu certinho pra ti. Agora você pode beber e até rolar pelo chão, pois esse terno aí é meu e não estou devendo nada a ninguém”.

Dê sua opinião: