5000onon

Oposição conta com o TCE em denúncias contra o governo

Resultado de imagem para robert rios 
  Deputado Robert Rios (Foto: Reprodução)

A bancada da oposição na Assembleia se sentiu compensada na luta que travou para provar que houve irregularidades na prestação de contas de um empréstimo de R$ 600 milhões tomados pelo Governo do Estado junto à Caixa Econômica Federal. É que as acusações contra o secretário de Fazenda, Rafael Fonteles, foram confirmadas por relatório do Tribunal de Contas do Estado, exibido e comentado pelo deputado Robert Rios.

“Ao ler o relatório, confesso que fiquei angustiado. Eu nunca na minha vida vi algo tão grave como o que consta nesse documento. Qualquer pessoa que queira acessar esse relatório basta acessar o site do
TCE-PI e obter esse relatório feito pelos auditores, que citam o governador Wellington Dias, o secretário Rafael Fonteles e o servidor Mauro Gomes de Lima, que está em situação extremamente delicada,
porque o Wellington e Rafael são transitórios” – disse Robert Rios.

Robert Rios leu os principais trechos do relatório, ressaltando que o documento confirmava todas as acusações que ele já havia feito na tribuna. Segundo ele, o governador simulou o pagamento de 270 milhões
de reais com recursos do empréstimo. “Obras que foram pagas com o dinheiro do tesouro estadual foram novamente pagas com dinheiro do empréstimo da Caixa Econômica” - salientou.

O líder do Governo, deputado João de Deus (PT), disse que a Secretaria de Fazenda apresentará todos os esclarecimentos sobre a aplicação dos recursos do empréstimo obtido junto à Caixa Econômica Federal (CEF). Ele rebateu o discurso de deputado Robert Rios, afirmando que o relatório dos técnicos do Tribunal de Contas do Estado não é conclusivo, por isso não representa a posição do TCE sobre a prestação de contas do empréstimo.

A oposição não tem dúvidas de que suas denúncias terão repercussão nacional, pois já entrou com ações junto ao Ministério Público Federal e a Justiça Federal e também porque o deputado federal Rodrigo Martins já protocolou o relatório dos auditores do TCE na Câmara Federal. A crença na repercussão nacional das denúncias é também porque a Caixa
Econômica é acusada de compactuar com as irregularidades na prestação de contas do empréstimo

Morte de Jorginho repercute na AL

Os deputados estaduais lamentaram a morte do delegado Carlos Jorge Moura de Queiroz, o delegado Jorginho, ocorrida na última quarta-feira em Teresina, devido a um infarto. Subscrito por parlamentares de todos os partidos, requerimento apresentado pelo deputado Marden Menezes (PSDB) pedindo voto de pesar aos familiares do delegado Jorginho foi aprovado na sessão plenária. Marden Menezes disse que o delegado Jorginho era um policial dedicado e foi uma figura marcante da sociedade piauiense, por isso lamentava a sua morte.

Cidadania

Atendendo requerimento do deputado Fernando Monteiro, a Assembleia Legislativa realizou sessão solene especial para entregar o titulo de cidadão piauiense ao economista e advogado Valmir Martins Falcão
Sobrinho, que nasceu em Brasília. A homenagem foi na última quarta-feira (14), bastante prestigiada por parentes, amigos advogados e economistas.

Déficit na Segurança

Escreveu no facebook o veredor Edson Melo: “Sobre a Polícia Militar do Piauí, tive essas informações: Contigente previsto por Lei seria de 11365 soldados, mas só tem de fato em torno de 5900, sendo 60% em
Teresina e 40% no interior do estado! Para agravar o déficit, existem quase 1000 militares a disposição dos mais diversos órgãos públicos!

Realmente são números que contribuem para insegurança na nossa capital e no Estado, sem se falar na falta de condições materiais para a tropa bem exercer suas funções! Situação grave, que explica Teresina entre as 50 cidades mais violentas do mundo! (números passados por membro do Sindicato dos Policiais Militares do Estado do Piauí”

Tragédia em Guadalupe.

A cidade de Guadalupe ficou horrorizada com o desfecho trágico de entendimentos de um casal, cuja mulher esfaqueou o marido e em seguida tocou fogo na casa, morrendo carbonizada. O marido escapou, mas está hospitalizado, com ferimentos graves. Jordânia Soares, causadora da tragédia, já cumpriu prisão por ter matado o filho afogado no lado de Boa Esperança. Ela teve uma irmã que foi assassinada pelo marido. Recebeu tratamento psicológico mas não mudou o comportamento. Segundo os vizinhos, o casal tinha desentendimentos constantes.

Penitenciária de Altos

A nova cadeia pública de Altos, com 70% de suas obras executadas, deverá ser inauguarada em junho deste ano. A previsão é do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e da Secretaria de Justiça
do Piauí (Sejus), que realizam a obra por meio de convênio entre Estado e União. A unidade prisional é uma aposta do Governo do Estado em modernização, segurança prisional e humanização. A nova cadeia
conta com estrutura de saúde e de tratamento de dependência química, além de módulo educacional. A área é de 5,5 mil metros quadrados e fica localizada ao lado da Colônia Agrícola Major César Oliveira, a 20
km de Teresina.

Sugestão para gravação

Escreveu o jornalista Cláudio Barros, no facebook: “Papai me pediu uma ajuda. Quer gravar um disco com o repertório do Orlando Silva. Achei justo. Se Pablo Vittar gravou um disco, por que não o Seu Luís”? Eu
sugiro ao colega que induza seu pai a gravar o Hino do Piauí, pois as gravações existentes apresentam erros pouco perceptíveis, mas inaceitáveis. Tem uma dessas gravações em que o intérprete distorce a
melodia e outra em que a palavra concerto é trocada por conceito. Vale salientar que os ritmos adotados não são ideia para a gravação de um hino.

Pensar Piauí

Este é o título de seminário realizado na Assembleia, nesta quinta-feira (15), em que foram debatidas Economia e Segurança. Na primeira, os expositores foram Felipe Mendes e Antônio José Medeiros.
Na segunda, foram o Delegado Geral de polícia, Riedel Batista e o Juiz Tiago Brandão. Riedel falou sobre os avanços da segurança no combate ao crime, onde a preocupação maior é com as facções criminosas, enquanto Tiago explicou como age a Justiça nos processos criminais, tirando dúvidas quanto à soltura de determinados presos.

O humor de cada dia

No Natal, a mãe foi visitar a sua única filha casada. Ao chegar à casa da filha, abraçaram-se, mas a filha estranhou ao ver a mãe com uma
bala colada na testa. Curiosa, pergunta:

- Mãe, porque tens uma bala colada na testa? A mãe logo respondeu:

- Ah minha querida filha. O seu marido disse-me que ele passaria o

Natal bem melhor se eu levasse uma bala na testa…

Dê sua opinião: