5000onon

Oposição considera falsa a última pesquisa para governador

O deputado Luciano Nunes (PSDB), não deu muita importância para uma pesquisa divulgada pelo jornal Meio Norte, na qual ele aparece com

apenas 026% das intenções de votos, realizada de 26 a 30 de janeiro e divulgada somente no dia 19 de fevereiro. O deputado tucano

estava com apenas dois dias de lançado, quando a pesquisa foi realizada.


Os pontos mais criticados da pesquisa pela oposição na Assembleia foram a distância entre a realização e a divulgação. O deputado Robert

Rios questionou também o fato de o deputado João Madison, do PMDB, ter sido o segundo mais votado, enquanto o prefeito Firmino Filho e o

deputado Dr. Pessoa aparecem com apenas 035% cada.


O entendimento dos deputados da oposição é de que a pesquisa é falsa. Eles não acreditam que o governador Wellington Dias tenha 62% de

aceitação e questionam o fato de a pesquisa ter sido amplamente divulgada, mas somente quase um mês depois de ter sido realizada. O

deputado Robert Rios insinuou que o governador Wellington Dias esteve por trás da intensa divulgação da pesquisa, pelo domínio que tem da

mídia.


W. Dias e a pesquisa

O governador Wellington Dias tomou conhecimento da pesquisa que o aponta com 62% de aceitação na capital de São Paulo, onde acompanha

sua mãe numa cirurgia. Ele comemorou o resultado e prometeu retribuir os números com trabalho. Ele deu a entender que não tomou conhecimento

da reação da oposição contrária da oposição na Assembleia. Da minha parte eu retribuo com mais trabalho para que a gente consiga mais

qualidade de vida. É meu compromisso”, disse ele através de um vídeo gravado em São Paulo.


Jornalista avalia pesquisa

Escreveu o jornalista Cláudio Barros, no facebook: “Seis em dez eleitores do Piaui estão indecisos quanto à escolha de governador. O

dado aparece em pesquisa espontânea do Instituto Amostragem. Mesmo que na pesquisa estimulada se perceba uma vantagem gigantesca em favor de

Wellington Dias, o cenário apontado pela sondagem é um desses indicativos de que:

1. Por enquanto eleição interessa mais a políticos, jornalistas e

marqueteiros e quase nada ao eleitor.

2. Isso dá razão ao dito popular segundo o qual, eleição como na

mineração, só depois da apuração”.


·Reforma suspensa

Escreveu Paulo Soares de Oliveira no facebook: “O governo decidiu suspender a tramitação da reforma da Previdência. De acordo com o

ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, o governo ouviu informalmente alguns ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e

chegou a conclusão de que não havia condições de contornar o impedimento legal de que propostas de emenda à Constituição (PECs)

sejam votadas durante a vigência de uma intervenção federal, como a que está vigorando na área de segurança no Rio de Janeiro”.


Duas surpresas

No plenário da Assembleia surgem surpresas, seja através da oposição

seja através da base governista. Na sessão da última quinta-feira o

deputado Robert Rios disse ter descoberto que um advogado do

governador Wellington Dias é o mesmo dos irmãos Batista, da JBS. Na

mesma sessão, o deputado Cícero Magalhães, respondendo a uma indagação

da oposição sobre o número de pessoas que viajariam com o governador

Wellington Dias a Portugal, revelou que o então governador Wilson

Martins levou à Alemanha uma comitiva de 40 pessoas.


Retranca

Está circulando mais uma edição do jornal do Sindicato dos

Jornalistas, Retranca. É a primeira sob a responsabilidade do novo

presidente da entidade, Luís Carlos. Entre os destaques de primeira

página, registro este: “impedir o jornalista de trabalhar representa

um atentado à liberdade de imprensa e, em consequência, um atentado à

própria democracia, pois se tenta negar à sociedade o sagra direito à

informação. As três mais recentes vítimas da intolerância, aqui no

Piauí, foram os jornalistas Nayara Felizardo, do portal O Dia, Renayra

de Sá, do Portal Az e Lucas Pereira, do Portal Teresina Diário e da TV

Antena 10.”


Unidos contra buracos

Quando a causa é justa, governo e oposição fazem pedidos iguais. Os deputados Luciano Nunes (PSDB), vice-presidente da Assembleia

Legislativa, e Aluísio Martins (PT) tiveram requerimentos aprovados na sessão plenária da última quinta-feira, pedindo à direção do DER-PI a

realização de Operação Tapa-Buracos visando a recuperação de três rodovias no Norte do Estado. Aluísio Martins disse que visitou no

final de semana vários municípios e constatou que as rodovias PI-223 e PI-115, que ligam Pau D’Arco à localidade Castelete e Campo Maior a

Castelo do Piauí, se encontram esburacadas, prejudicando o tráfego de veículos.


Saudade matutina

O programa que apresento na Rádio FM Assembleia, “O Passado em Evidência”, mudou de horário. Antes ele ia ao ar às sextas-feiras, a

partir das 17 horas, com duração de uma hora. Agora será aos domingos, pela manhã (06 horas).Espero que a audiência possa aumentar. A

primeira audição do novo horário já está gravada, sem mudanças de conteúdo. “O Passado em Evidência” é feito com músicas antigas, humor,

curiosidades e poesias. Para este domingo o poeta focalizado é Ferreira Gullar.


O humor de cada dia

O cara chegou na loja de discos querendo comprar um CD de Roberto

Carlos que tivesse a música “Frango na Primavera”. O vendedor ficou

espantado e disse que Roberto não gravou nenhuma música com esse nome.

Mas o cliente insistiu, afirmando que seu vizinho toca a música, todos

os dias. Foi aí que o vendedor pediu que o cliente cantasse um

trechinho da música, pra ver se ele a conhecia. E o cara soltou a voz:

“meu frango olhando a primavera, que bonito que ele era, com as

frangas no quintal”...

Dê sua opinião: