5000onon

Oposição aceitaria transparência do governo apenas daqui pra frente?

Pela primeira vez desde que o empréstimo de R$ 600 milhões contraído pelo Governo do Estado junto à Caixa Econômica passou a ter sua aplicação questionada, deputados do governo e da oposição formam uma mesma comissão para tratar do assunto junto ao órgão financiador. A bancada da oposição fez visitas à Caixa, ao Tribunal de Contas e órgãos da Justiça, sempre sozinha. Também sozinha, a bancada governista visitou esses mesmos órgãos.

É difícil acreditar que a bancada da oposição, depois de tantas acusações de desvios da primeira parcela do empréstimo resolva se acomodar, apenas para desmanchar o discurso do governo de que ela torce pelo quanto pior melhor. Essa tem sido a tônica dos últimos discursos dos deputados governistas, enquanto a oposição tenta explicar que não é contra a liberação da segunda parcela, mas tão somente a favor de que antes a prestação de contas da primeira seja esclarecida.

O membro da oposição a integrar a comissão que será recebida hoje (17) pelo presidente nacional da Caixa Econômica é o deputado Rubem Martins (PSB), que participou de todas as visitas aos órgãos de fiscalização locais e à própria Caixa Econômica, tendo sido um dos mais objetivos em seus discursos, crente de que o governo desviou recursos do empréstimo.

A pergunta que não quer calar é uma só: Rubem Martins vai usar o argumento de que o governo desviou parte da primeira parcela do empréstimo perante o presidente nacional da Caixa ou simplesmente vai fazer coro com os governistas, que querem agilidade na liberação do restante dos recursos do empréstimo? A população não merece que a oposição concorde com a tese de que a aplicação dos recursos seja transparente apenas daqui pra frente.

Crime revoltante

A população de Teresina acompanha, estarrecida, o noticiário sobre o assassinato da cabeleireira Aretha Dantas Claro, encontrada morta com várias facadas, na Avenida Maranhão. Quando se acreditava numa versão de que o suspeito teria fugido para o exterior, eis que ele se apresenta à polícia. Trata-se de Paulo Alves dos Santos Neto. A delegada Luana Alves, do Núcleo de Feminicídio, afirmou que Paulo é o autor do crime. Foram encontradas marcas de sangue em vários pontos da casa do assassino, o que significa dizer que ela não foi morta na avenida, mas apenas jogada lá.

Piauí fora do G1

O portal G1, da Globo, excluiu mesmo o Piauí de seu noticiário. Nem o revoltante assassinato da cabeleireira Aretha Dantas mereceu divulgação. Antes, até bate-boca de vizinhos era destaque no G1.

Alguma coisa aconteceu, como falta de correspondente, por exemplo. A verdade é que o G1 é bastante acessado em Teresina, pela isenção de seu noticiário e pela ausência daqueles “bloqueios chatos” para quem não é assinante.

Clima quente

O clima esquentou entre os deputados Nerinho e Marden Menezes, na sessão de ontem (17), por conta de críticas do primeiro ao comportamento do outro como relator de uma matéria de interesse do governo que estaria sendo engavetada. A discussão entre os dois parlamentares levou o líder da oposição, deputado Robert Rios, a pedir que o presidente Themístocles Filho suspendesse a sessão, o que não foi atendido, devido a um pedido de Fábio Novo para usar a tribuna.

Sonhar, deixa-me sonhar...

Sonhar não é privilégio do cantor Frank Aguiar, com seu filme que nunca saiu, O Sonho de um Sonhador. Antes dele já sonhava Alberto Silva, com seu projeto da navegação. Na sequência dos dois sonha o governador Wellington Dias, que quis ampliar a linha do Metrô para vários bairros da capital e tudo o que conseguiu foi adquiri três novos trens (VLTs), para rodarem no mesmo percurso. A idéia agora é mais avançada e oportuna, em face do ano eleitoral: levar o metrô a municípios próximos à capital, incluindo Timon – MA. Os bairros já estariam contemplados com o Inthegra do prefeito Firmino Filho, que tem ônibus sobrando (o passageiro tem que pegar dois em cada percurso).

Petista realista

Petista realista é coisa rara no Brasil, mas o Estado do Ceará produziu um que é destaque no portal brasilo247. Leiam: “O governador do Ceará pelo PT, Camilo Santana, disse ter a convicção de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não conseguirá disputar a Presidência nas eleições deste ano; Santana defendeu que seu partido apoie a candidatura presidencial do ex-ministro Ciro Gomes (PDT), seu padrinho político, e indique o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) como vice; segundo ele, o PT “não pode apostar no isolamento suicida”

Prazo curto

A bancada do governo na Assembleia não explicou em seus discursos o motivo da urgência na apreciação do projeto da PPP para o Ginásio Verdão, mas o deputado Nerinho foi claro: “É que a Lei Eleitoral estabelece prazo e o governo tem pouco tempo”. Por falta de quorum, a urgência não foi votada, encurtando ainda mais o tempo para a aprovação. Outra mensagem que está causando protestos da oposição é a que repassa imóveis do Estado para a iniciativa privada. 

Leilão do triplex

A senadora Regina Souza (PT) é destaque no facebook, por ter indagado qual será o destino dos 2,2 milhões da arrematação do triplex, tido como de propriedade do ex-presidente Lula. A decisão do juiz Sérgio Moro foi de que o produto fosse revertido em benefício da vítima, a Petrobras. Esse assunto é muito delicado, mas a senadora tem como exigir explicações. A preocupação dela se parece com aquela da oposição, que está sempre perguntando o destino dos recursos da primeira parcela do empréstimo da Caixa Econômica ao governo do PT no Piauí.

O humor de cada dia

Loira vai a uma loja para comprar uma TV. Depois de olhar vários aparelhos ela se dirige ao vendedor:

- Eu quero esta TV, diz ela. Ele então responde:

- Eu não vendo meus aparelhos para mulheres loiras. Ela saiu e foi ao cabeleireiro, onde mandou pintar o cabelo de preto, voltando à loja no dia seguinte. O cabeleireiro disse a mesma coisa. Ela volta novamente e manda pintar o cabelo de várias cores. No dia seguinte retorna à loja e ouve novamente a recusa do vendedor. Irritada ela pergunta:

- Como você sabe que eu sou loira? O vendedor responde:

- Eu sei, porque esse aparelho que você escolheu não é uma televisão, e sim um microondas.

Dê sua opinião: