5000onon

Matadora de bandido é homenageada

O vídeo que mostra uma policial matando um bandido que atacava mães na porta de um colégio em São Paulo foi o mais comentado dos últimos meses nas redes sociais. Igualmente comentada foi a cerimônia em que a policial foi homenageada em um batalhão da PM na Vila Esperança, na zona leste da capital. O governador Marcio França (PSB) participou da cerimônia e ofereceu flores à Cabo, que agiu como mãe, defendendo outras que estavam sendo assaltadas.

“Essas pessoas [criminosos] se descontrolam facilmente. Eu não sabia se a reação dele seria atirar nas crianças ou na mãe ou no responsável que estava na porta da escola. Pensei apenas em defender as mães, as crianças e a minha própria vida e da minha própria filha”, disse a policial militar que está há 20 anos na corporação. Ela estava de folga e tinha ido participar da festa do Dia das Mães na escola da
filha mais velha.

De sã consciência, todo mundo torce para que alguém tome as dores por quem esteja sendo assaltado. O assaltante naturalmente confia que ninguém esteja armado, ainda mais se tratando de pessoas do sexo feminino. Esse que morreu deve ter acompanhado a campanha do desarmamento, certo de que só os bandidos ficaram armados no Brasil.

Espera-se que o fato ocorrido em São Paulo não venha a desencadear campanhas em favor do armamento da sociedade. Desarmar continua sendo um raciocínio lógico, desde que a medida seja para todos. Alguém se lembra da campanha pelo desarmamento? Ela foi feita contando com a boa vontade daqueles que entregaram suas armas espontaneamente. Nada foi feito para desarmar os bandidos, que continuaram sendo beneficiados pelo contrabando de armas.

Marina descarta o PSDB


Em visita a Teresina no Dia das Mães, a pré-candidata a presidente pela Rede, Marina Silva, descartou a possibilidade de aliança com o PSDB. Segundo ela, o leque de conversas de seu partido é o mesmo das
eleições de 2014. Na lista estão PSB, PPS, PHS, PRP e PPL. Ao lado da cúpula da legenda no Estado, Marina afirmou que o pleito pra ela vai ser uma luta de "Davi contra Golias". Marina classificou como
“mentira” e Fake News os boatos de uma possível aliança entre a Rede e o PSDB. Sobre uma candidatura Lula ela defendeu que a lei da ficha limpa deve ser para todos.

Limite De saque

A Caixa Econômica limitou em R$ 400 o saque em um caixa eletrônico do conjunto Saci, nesta segunda-feira (14). Vamos supor que o cliente necessitasses d C$ 600 reais, para pagar as contras de água e luz, já vencidas. Será que a Eletrobras e a Águas de Teresina esperaria por outra saída, deixando de suspender os serviços? A limitação dos saques em valor tão baixo é apenas um dos problemas vividos pela população. O mais comum é os caixas não disporem de qualquer valor para saques, obrigando os clientes a irem à agência mais próxima. Curioso é se saber que os bandidos nunca atacam um caixa eletrônico que não tenha cédulas.

Ideia brilhante


Leio no facebook a “ideia brilhante” de Marcelo Freixo, de que a policial militar que atirou e matou um assaltante em São Paulo devia ter apenas efetuado a prisão do mesmo. Será que o bandido, já de arma
em punho, obedeceria a uma ordem de prisão? O que esse senhor devia fazer era colher a opinião de outros bandidos sobre o episódio. Aposto como muitos deles seriam menos estúpidos. Esse Marcelo de ideia tão “brilhante” está sendo seguido por outras pessoas que acham que a policial foi precipitada, pois se tivesse errado os disparos o bandido teria matado várias pessoas. Sugiro ao Freixo que convença os bandidos a não praticarem assaltos, mas tão somente pedirem às vítimas que lhes ofertem uma quantia em dinheiro.

Mais um jogo

Achando pouco o que a população com a Mega-Sena, a Caixa Econômica Federal lançará um novo jogo elétrico. Trata-se de o Dia da Sorte, que será promovido três vezes por semana – às terças-feiras,
quintas-feiras e sábados. O jogo foi instituído pela Secretaria de Acompanhamento Fiscal, Energia e Loteria do Ministério da Fazenda. De acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU), a data
de realização do primeiro sorteio do novo jogo ainda não definida.

Dudu e o Inthegra

Publicou o vereador Dudu (PT) no facebook: “Exercendo o cargo de vereador, eu sou um porta-voz da sociedade. Sendo assim, meu compromisso é lutar pelo bem de todos. Se os serviços prestados
apresentam problemas, nada mais justo do que a gente utilizar do nosso mandato para cobrar explicações. Aceitando uma provocação nossa, o TCE-PI fará uma auditoria para investigar o projeto Inthegra no
sistema público de transporte de Teresina. Independentemente de tudo, os serviços devem atender o bem do povo. Não podemos parar de cobrar
providências e esclarecimentos”.

Governo contra comissão

O deputado Rubem Martins (PSB) acusou a bancada do governo de faltar às sessões planárias, com o objetivo de não aprovar requerimento que pede a criação de uma comissão para acompanhar obras que estariam sendo construídas com recursos da primeira parcela de empréstimo junto à Caixa Econômica. Martins falou ao apartear o colega Robert Rios, que tem o mesmo entendimento. Ele disse que é o governador Wellington Dias que recomenda a ausência de sua bancada nas sessões.

Humor no dia das Mães

Um show do humorista Amaury Jucá, marcado para as 11 horas e 30 de amanhã (15), no Cine Teatro da Assembleia, será o ponto alto das homenagens que a Casa prestará às mães funcionárias. Antes, às 9h e 30m, será celebrada uma missa pelo Dia das Mães. O presidente da Assembleia, deputado Themístocles Filho, fez o comunicado durante a sessão de hoje (14), pedindo que os colegas prestigiem as mães
funcionárias do Poder Legislativo.

O humor de cada dia

Turista fazia um passeio a cavalo pela zona rural de uma cidade do interior, quando avistou um aviso na fachada de uma residência: “Delícias Caseiras”. Julgando tratar-se de uma venda de frutas, ele se aproximou, bateu palmas e foi convidado a entrar. A surpresa foi ele ter dado de cara com várias mulheres bem trajadas e um senhor que dava as ordens. Pediu desculpas, quis se retirar, mas o dono da casa
explicou a razão do anúncio na parede. Na verdade, tratava-se de um prostíbulo em que as mulheres eram todas de uma mesma família: esposa, filhas, sobrinhas, primas, cunhadas e até a sogra. Daí o nome
“Delícias Caseiras


Dê sua opinião: