5000onon

Grevistas vão ao STF mas não conseguem entrar

Com três dias sem se alimentar, qualquer pessoa já fica sem ânimos para sair do local onde se encontra. Mas os sete grevistas pela liberdade de Lula parecem ter adquirido mais energia. Eles foram à sede do STF, na última quarta-feira (7), onde protocolaram um pedido de audiência com cada ministro da corte. Estavam acompanhados de deputados, todos de barriga cheia, mas foram impedidos de entrar no
prédio.

O portal brasil247 repercutiu o fato, informando que  a senadora e presidente do PT, Gleisi Hoffmann, fez duras críticas à situação: "Lula está preso e liderando as pesquisas. Isso é um sintoma. As autoridades do país têm que ler o que está acontecendo", cobrou.

A senadora acha que a leitura às notícias sobre a greve de fome dos petistas pode comover as autoridades. Não é bem assim, ainda mais se sabendo que essa greve foi encomendada pelo MST, sem que se tenha certeza de que todos estejam realmente jejuando.

Matéria publicada pela Folha de São Paulo dá conta de que o PT deseja que haja um número maior de pessoas passando fome em protesto contra a prisão de Lula. Para um partido que diz ter acabado com a fome no Brasil não se explica que esteja pregando greve de fome.

Sobre Maria da Penha

Escreveu Oscar de Barros, em sua coluna no portal 180graus: “A minha luta foi tão grande que, hoje, essa parte [da agressão] para mim não tem mais nenhum sentido. Hoje existe uma lei que tem o meu nome e que está funcionando. A gente se alimenta com os resultados: eu vejo muitas mulheres lutando, muitos homens mais conscientes também. Há uma mudança, por mais que imperceptível para alguns”, afirmou Maria da Penha em seu livro ‘Sobrevivi”. O colunista só esqueceu de uma coisa: os assassinatos contra mulheres aumentaram depois da Lei Maria da Penha.

Lourdes candidata


A professora Lourdes Melo, do Partido da Causa Operária (PCO), acredita na tese de que os últimos são os primeiros. Ela anunciou em entrevista ao Portal Az, nesta quarta-feira (8), que será candidata ao
governo do Estado e que a chapa terá Clóvis Jové como vice e Albetiza Moreira como candidata ao Senado. Por enquanto ela não anunciou nenhuma meta em favor do Piauí, mas tão somente a disposição de luta em defesa do ex-presidente Lula.

Deputado defende barraqueiros


O deputado Dr. Hélio (PR) defendeu os barraqueiros da praia do Coqueiro em Luís Correia, contra os quais existe ação da União para demolir suas barracas, atingindo cerca de 300 pessoas que vivem
exclusivamente do que vendem aos turistas. Ele citou casos de alguns que não tiveram permissão para construir banheiros para cadeirantes e de outros que já tiveram suas barracas demolidas. Dr. Hélio disse
esperar que a União compreenda a situação dos barraqueiros, pois eles estão com as mãos na cabeça, sem saber como sobreviver sem sua atividade.

Cautela da oposição

Somente após sete dias da operação Topique, que prendeu várias pessoas envolvidas no escândalo do superfaturamento em contratos para o transporte escolar na Educação, foi que a bancada da oposição na
Assembleia resolveu falar sobre o assunto. Algumas pessoas achavam que o silêncio teria como razão o possível envolvimento da Prefeitura de Teresina, já que o portal GP1 divulgou matéria falando de contrato com uma das empresar que foram flagradas. Mas a verdade parece ter sido outra: os deputados teriam usado os sete dias para a obtenção de maiores dados. O primeiro a falar sobre a operação Topique foi Robert Rios, membro aposentado da PF.

Evaldo faz oposição


O deputado Evaldo Gomes (PTC) está exercendo o papel de oposição na Assembleia, depois de ter sido vice-líder do governo. Ele rompeu por discordar dos critérios adotados pelo governador Wellington Dias na formação da chapa oficial para a eleição e agora dá prosseguimento ao seu papel criticando o secretário de Saúde, Florentino Neto, que segundo ele está fazendo ouvido de mercador para as denúncias contra as más condições nos hospitais. O deputado citou o exemplo do Hospital de Valença, onde pacientes podem morrer por falta de atendimento.

PT ausente em sessão

O presidente da Assembleia, Themístocles Filho, cobrou a presença de deputados do PT na sessão desta quarta-feira, por ser dia de votação de matérias. A bancada da oposição acusou a bancada governista de se ausentar para que não fossem aprovados alguns requerimentos. O deputado Luciano Nunes afirmou que o governo já conseguiu paralisar vários órgãos do Estado, como Saúde, Educação e Segurança, por má gestão, e agora parece querer paralisar também a Assembleia.

Sucessão em S. Paulo


Publicou o portal brasil247: “Pesquisa CNT/MDA aponta um empate técnico entre o candidato do PSDB ao governo de São Paulo, João Doria,e Paulo Skaf (MDB), com 16,4% e 16,2%, respectivamente; o levantamento foi feito com 2.002 eleitores de 2 a 5 de agosto; levantamento tem margem de erro de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos; na simulação de segundo turno, Doria perde para o emedebista por 29,7% a 26,8%. No Piauí, os fatos políicos mais recentes podem ter causado mudanças no comportamento do eleitorado. Aguardemos a próxima pesquisa.

O humor de cada dia


Samuel Coutinho, saudoso barbeiro de Teresina, sendo natural de Parnaíba e tendo morado muitos anos em Fortaleza, estava um dia sentado na calçada do Salão Moderno, carente de clientes, quando
passam três mulheres sobre a mesma calçada. Em tom de brincadeira ele disse:

- A de sapato branco é a mais bonita.

Uma das mulheres respondeu:

- Mas não tem nenhuma de sapato branco.

- Então são todas feias – disse o barbeiro, com ar de riso.

Dê sua opinião: