5000onon

Empresários pressionam o governo do PT.

Resultado de imagem para Governador Wellington dia 
 Governador Wellington Dias (Foto: Reprodução)

Se gritar pega ladrão, não fica um, meu irmão’. Essa era a música tocada na manhã desta quarta-feira, por um possante caminhão de som em frente à Assembleia Legislativa, o que fez muita gente acreditar que seria um preparativo para manifestação petista. Em seguida ouvia-se: “vem, vamos embora, que esperar não é saber. Quem sabe faz a hora, não espera acontecer”. Aí aumentou a crença de que a esquerda estaria por trás. Mas não foi nada disso. O caminhão foi colocado por empresários que se posicionam contra projeto de lei do governo que aumenta impostos.

Enquanto o caminhão de som tocava músicas em alto volume, empresários participavam de reunião na Comissão de Finanças, contestando as razões do governo para o aumento de impostos. No início da semana já repercutia na Assembleia a existência de imenso outdoor expondo os deputados que seriam favoráveis ao projeto do governo. As fotografias eram as mesmas que já tinham sido usadas em matérias de protesto na mídia impressa e nas redes sociais.

Pela primeira vez o governador Wellington Dias, que governa o Estado pela terceira vez, enfrenta oposição organizada por entidades representativas das indústrias e do comércio. A Federação das Indústrias (FIEPI), a mais poderosa instituição do setor, mandou seu presidente, Antônio José Filho, para participar da reunião da Comissão de Finanças. Zé Filho governou o Estado antes de Wellington Dias, tendo sido por ele derrotado no último pleito estadual.

Espancamento

O jornalista Efrém Ribeiro voltou a ser agredido, segundo ele mesmo denunciou no Facebook. O acusado é um cinegrafista da TV Antena 10, que não teve o nome revelado. A suposta agressão teria sido praticada durante cobertura sobre o aparecimento do corpo da estudante assassinada Camila Abreu. Segundo o próprio Efrém, o agressor justificou seu ato dizendo ter sido fotografado pelo jornalista. Só faltava essa. Efrém já sofreu vários tipos de agressão, mas parece que nunca registrou um boletim de ocorrência.

Governo rigoroso

O governo Temer não tem sido nada rigoroso com aqueles que, ocupando cargos de confiança, foram acusados de corrupção. Já em relação a quem discorda de suas ações as ordens são severas. Foi o que aconteceu com a secretária nacional de Cidadania do Ministério de Direitos Humanos, Flávia Cristina Piovesan. Ela foi demitida do cargo, só porque criticou a portaria que muda as regras de combate ao trabalho escravo.

Políticos e taxistas

Ninguém jamais imaginou que políticos brasileiros, que durante longos anos fizeram média com os motoristas de táxi, estivessem agora sendo algozes da categoria, em benefício dos que atuam através do Uber. No Senado já foi desfeito o uso da placa vermelha. Resta saber que tipo de modificação será feita na Câmara Federal. Os taxistas vão continuar se mobilizando, para que os deputados atendam suas reivindicações.

Versão furada

A defesa do capitão Alisson Wattson, acusado de ter matado a estudante de direito Camila Abreu, criou uma versão mais furada que tábua de pirulito. A vítima teria apontado a arma do próprio capitão, para assassiná-lo, e quando ele tentou se defender ocorreu o disparo acidental. O que a sociedade questiona nas redes sociais é o fato de o capitão ter ocultado o cadáver e o próprio veículo usado pelos dois no dia do tal “acidente”.

Mais ônibus nas ruas

A Prefeitura de Teresina ampliará a frota de ônibus urbanos no próximo domingo, por conta da realização do ENEM. A Estrans colocará equipes de agentes de trânsito nos locais de maior fluxo de veículos, para evitar congestionamentos. O diretor da Strans, Francisco Nogueira, informou que a frota de domingo será a mesma que circula aos sábados. Significa que o aumento será muito pequeno.

Agora é lei

Segundo noticiou o site da Veja, na última terça-feira (31), a regulamentação do Uber já é lei. Cai a exigência da placa vermelha. Diz o texto: “O Senado aprovou nesta terça-feira o texto-base do projeto que regulamenta o serviço de transporte particular por meio de aplicativos como o Uber e o Cabify; por 46 votos a 10, os senadores aprovaram o texto-base, seguido por emendas aprovadas na sequência, que foram acertadas por boa parte dos líderes, para retirar a obrigatoriedade da placa vermelha e de o condutor ser o titular do veículo”

Combate a incêndios

Somente a chegada do inverno poderá acabar com os incêndios florestais no Estado do Piauí. O município de Floriano, com apenas uma chuva se viu livre das imensas fogueiras que destruíram pequenas propriedades. Com a terra molhada a vegetação se renova, enquanto os responsáveis pelos incêndios não são identificados. Assim, não há de quem cobrar os prejuízos. Em setembro foram registrados 3.422 focos. No mês de outubro, curiosamente o número caiu para 2.991, principalmente no sul do Estado, mas mesmo assim os dados preocupam os gestores da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos – Semar.

O humor de cada dia


Homem sai de casa dizendo para a esposa que ia para uma pescaria. Colocou a tarrafa na traseira do jeep e se mandou para a casa da amante. No dia seguinte, já voltando para casa, comprou um cofo de peixes que um vendedor levava para o mercado. Fez a compra sem olhar o produto. Antes de chegar em casa ele molhou a tarrafa, que em seguida foi estendida na cerca do quintal. Entregou o cofo para a esposa e se deitou para dormir. Meia hora depois vai a esposa até a cama onde marido dormia e pergunta: “Vem cá, Sebastião. Me diz onde fica essa lagoa onde se pesca peixe já seco e salgado.

Dê sua opinião: