5000onon

Brasil vive momento inusitado na véspera da eleição

O Brasil vive um momento inusitado, faltando menos de duas semanas para eleição presidencial, com um candidato comandando a campanha de dentro de um hospital e outro sendo orientado por um ex-presidente, de dentro de um presídio.

O hospitalizado está convalescendo de uma facada sofrida durante uma caminhada de campanha e o detento cumprindo pena sob acusação de ter praticado corrupção e lavagem de dinheiro. Lá fora, duas torcidas se digladiando nas redes sociais.

Gostaria de reproduzir aqui algumas postagens do facebook sobre essa situação, mas o conteúdo é inadequado e mostra apenas que os eleitores, de ambos os lados, preferem apostar em ideologias do que em propostas administrativas.

As raríssimas postagens dos que não foram contagiados por ideologias defendem a eleição de alguém que se proponha a governar o país com competência e sem radicalismo . Torcem para que haja segundo turno e que os partidos que não chegarem lá votem no candidato que for capaz
de pregar o entendimento.

Negociata

Saiu no portal D1: Depois de ter feito um acordo com investidores nos Estados Unidos no início do ano, a Petrobras anuncia nesta quinta-feira (27) que também fechou um acordo com as autoridades americanas para encerrar todas as investigações contra a estatal naquele país. Com isso, a empresa vai encerrar todas as pendências jurídicas e de investigação contra ela por autoridades norte-americanas”. Observação: quantos reajustes no s preços dos combustíveis seriam necessários para cobrar esse gasto?

Incêndios

As queimadas se multiplicam neste período mais quente do ano em Teresina. Só esta semana aconteceram vários incêndios, tendo sido um no bairro Morada do Sol, na Zona Leste de Teresina. Populares acionaram o Corpo de Bombeiros na quarta-feira (26) que foi ao local tentar controlar o fogo. O incêndio começou em um terreno abandonado, local onde, informaram os moradores, funcionava um depósito de veículos. Segundo reportagem da TV Meio Norte, os bombeiros acreditam que o foco do incêndio tenha iniciado por conta do tempo quente e da vegetação baixa e seca. A mancha de fumaça que foi formado pode ser vista a quilômetros. Mas alguém deve ter riscado o fósforo ou jogado uma ponta de cigarro

Ofensas em debate

A mídia noticiou desentendimento entre os candidatos ao Senado, Marcelo Castro (MDB) e Wilson Martins (PSB). Eles teriam trocado farpas durante o debate da Rede Meio Norte, na noite de quarta-feira (26). Tudo começou quando Castro citou a construção do hospital que pertence à família de Wilsão, acusando o ex-governador de se aproveitar de que estava na gestão para beneficiar a família. O candidato do PSB pediu direito de resposta e partiu para cima do adversário, dizendo que agiu de forma desesperada por estar “perdendo nas pesquisas. Disse mais que Marcelo foi seu maior puxa saco quando esteve no governo.

Troca de palanques

Os deputados estaduais que disputam cargos diferentes nesta eleição trocaram a tribuna pelas redes sociais, mesmo sendo as sessões transmitidas ao vivo pela TV Assembleia. O mais contundente tem sido o deputado Robert Rios, que concorre ao Senado. Falando da tribuna ele
correria o risco de ser punido pela Justiça Eleitoral. Ele demonstrou moderação ao denunciar transferência eleitoreira de recursos da Saúde para os municípios, evitando culpar o senador Ciro Nogueira. O prêmio viria um dia depois, com uma operação da Polícia Federal em endereços
ligados ao senador. Robert jogou pesado no facebook.

Ciro sem agenda


Convalescendo de uma cirurgia na próstata, o candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, cancelou sua participação em agendas públicas na quinta-feira (27). Em entrevista à Rádio Jornal do Recife, em Pernambuco, ele informou que manterá sua participação nas redes sociais. Ciro Gomes sonha em chegar ao segundo turno junto com o candidato do PT, Fernando Haddad. Percebe-se que ele vem se esforçando par evitar que o eleitorado se divida entre Bolsonaro e o candidato
petista.

A Beth não morreu

Não encontrando o que fazer, pessoas desocupadas inventaram que Elizabeth Lourdes Ferreira (Beth Cuscuz) teria falecido. O portal cidadeverde apurou o fato e se encarregou de informar que não era verdade. Sempre tive apreço bela dona Beth, pois quando eu era repórter político me valia do seu estabelecimento, na Avenida Pedro Freitas, para entrevistar políticos que aos sábados frequentavam o ambiente. No domingo eu “furava” todos os concorrentes.

Greve nos ônibus

Os dados fornecidos pelo presidente do Sintetro (Sindicato dos Trabalhadores das Empresas de Transportes Urbanos de Teresina, Fernando Feijão, sobre os assaltos a ônibus em Teresina são
alarmantes. Ele cita uma média de dez arrastões por semana, o que levou motoristas e cobradores a paralisarem suas atividades na quinta-feira (27). A paralisação tem por objetivo chamar a atenção das autoridades municipais para a gravidade do problema. Os grevistas cobram maior apoio da Secretaria de Segurança do Estado.

O humor de cada dia

Mulher flagra o marido com um fone de ouvido na cabeça e um balbuciado que ela mesma não conseguia entender. Quis saber do que se tratava, mas ele simplesmente respondia:

- Fica na tua. Isso aqui é coisa der eleitor e candidato.

Mais tarde, presenciando a cena pelo buraco da fechadura, a mulher conseguiu desvendar o mistério. O marido cantava uma conhecida canção que diz: to fazendo amor com outra pessoa”. Se fosse o original da canção ela poderia até achar que ele a estivesse traindo. Mas não era.
Ele iniciava a cantiga dizendo assim: “sou um eleitor do Doutor Pessoa”.

Dê sua opinião: