5000onon

Bate-boca entre ministros repercute nas redes sociais

Resultado de imagem para Gilmar Mendes
( Foto: Reprodução )

A repercussão do bate - boca entre os ministros Luís Roberto Barroso e Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, na sessão de ontem (21) do STF foi mais forte nas redes sociais do que na grande mídia. Os comentários às matérias postadas nos diversos portais foram unânimes em favor de Roberto Barroso, cada um afirmando que ele disse o que a nação gostaria de dizer.

O vídeo mostrando a discussão entre os dois ministros foi mais audível em relação ao que Barroso dizia, mas os repórteres que acompanharam de perto a sessão infirmaram que Gilmar Mendes criticou decisões do STF, sobretudo a que proibiu as empresas de doarem para campanhas eleitorais. Em dado momento, Gilmar fez referência a decisão de 2016, na qual a primeira turma revogou prisão preventiva de cinco médicos e funcionários de uma clínica de aborto.

O portal de esquerda brasil247 deu o seguinte destaque ao que o ministro Barroso disse com seu colega Gilmar: “Implosão do Supremo Tribunal Federal fica cada vez mais explícita: os ministros Luís
Roberto Barroso e Gilmar Mendes protagonizaram nesta quarta-feira 21 um novo bate-boca em plenário, com trocas de ofensas pessoais; a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, precisou suspender a
sessão; Barroso disparou uma artilharia contra Gilmar: "Você é uma pessoa horrível, uma mistura do mal com o atraso e pitadas de psicopatia (...). Vossa Excelência não consegue articular um
argumento"

Deputado critica sindicato

O deputado Dr. Hélio (PR) fez duras críticas ao Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Simpoljuspi), por ter o mesmo contrariado a maioria dos filiados durante uma assembleia geral realizada na manhã
da última quarta-feira, em torno de uma questão que o governo já tinha resolvido. Segundo Dr. Hélio, o Simpoljuspi vive propondo aos deputados a realização de audiências públicas de dois em dois meses,
para discutir um mesmo assunto.

Oposição insistente

A oposição na Assembleia não se deu por vencida com a derrota de um requerimento pedindo a convocação de um graduado servidor da Fazenda para falar sobre empenhos anulados para facilitar prestação de contas do governo sobre empréstimo junto à Caixa Econômica Federal. O deputado Gustavo Neiva (PSB) disse que apresentar um requerimento pedindo a realização de uma audiência pública para tratar sobre a prestação de contas da primeira parcela de R$ 307 milhões do empréstimo de R$ 615 milhões contraído pelo Governo do Estado junto à Caixa Econômica Federal.

Solidariedade do Papa

Os ataques de alguns radicais contra a vereadora Marielle Franco, assassinada no Rio de Janeiro, não abalaram a família da falecida. Momentos antes da missa de sétimo dia para Marielle, o Papa
Francisco ligou para a mãe da vereadora executada a tiros. Segundo Anielle Silva, irmã de Marielle, a advogada Marinete Franco ficou emocionada com o telefonema do Pontífice, que expressou solidariedade
à família e disse estar rezando por todos.

Opiniões obre apagão

O apagão de energia da última quarta-feira gerou vários comentários entre pessoas que esperavam ansiosamente o retorno da energia nas paradas de ônibus. Um desses comentários foi de que o apagão teria sido proposital, para reforçar a tese de privatização da Eletrobras. Ligações telefônicas eram feitas para pessoas que tinham saído de ônibus. Os familiares queriam saber como estava o clima nas novas
estações de passageiros. A resposta era uma só: muito calor e portas de vidro travadas. Pelo menos o risco de assaltos era menor.

Exemplo do passado

Disse o deputado João de Deus, em discurso na tribuna da Assembleia: “A oposição não esperou a posição do governo. Fez discurso aqui, pediu a prisão de gestor, levou a denúncia para Brasília, discursou na
Câmara, denunciou ao Ministério Público Federal, à Caixa. Nós tivemos acesso às contas do governo passado e constatamos que as alterações feitas em outros empréstimos foram praticadas da mesma forma, inclusive com o mesmo agente financeiro, que é a Caixa Econômica Federal. O Tribunal de Contas aprovou essas contas 2009 e 2010 sem nenhum problema”, lembrou.

Plantio de dinheiro

A polícia não informou o valor, mas parte do dinheiro roubado durante um assalto ao Banco do Brasil na cidade de Inhuma, no último dia 21, foi encontrada debaixo do chão, numa residência do bairro Vamos Ver o Sol. Ao descobrir o ‘plantio’, a polícia foi recebida a bala, mas levou sorte. Quem morreu foi um dos assaltantes, identificado como Neguinho da Aparecida. A esposa dele estava na casa com duas crianças
do casal. Como será a vida dessas crianças?

O Inthegra e as ciclovias


Escreveu Irisvaldo Vieira, no facebook: “Este caos no Inthegra e em outros programas de governo é produto da incompetência dos gestores que são nomeados, não pela capacidade técnica, mas pela quantidade de votos que disponibilizam em favor do candidato eleito. Inthegra será um grande desperdício de dinheiro público por piorar a mobilização urbana. Uma das classes sociais que mais sofrerá prejuízo será a do ciclista que perdeu, por exemplo, na Avenida Miguel Rosa, duas ciclovias em sentidos diferentes (mão e contramão), ficando apenas com uma trilha estreita, ocupada por poste da iluminação pública e mudas de árvore que num período curto, crescerão e engrossarão seu caule e obstruirá a trilha, impedindo o ciclista de trafegar nela”.

O humor dede cada dia

Vaqueiro chega na casa do patrão querendo vender uma égua, pois estava
precisando de dinheiro para custear um tratamento da esposa. Pediu a
importância de R$ 500 reais pelo animal. O patrão achou o preço muito
alto e disse que não compraria a égua. Mas o vaqueiro justificou:

- Patrão, o preço não está alto não. Ela está quase prenhe.

O patrão, de forma irônica aconselhou o dono da égua:

- Façamos o seguinte: volte, acabe de emprenhá-la e depois pode
trazê-la que eu compro.


Dê sua opinião: