5000onon

Assaltos a ônibus aumentam em Teresina

Andar de ônibus em Teresina já é desconfortável por natureza e ultimamente tem se tornado pior, devido aos assaltos. Somente em uma semana foram registrados quatro assaltos. O passageiro já sai de casa
preocupado, pois pode sofrer assalto ainda na parada. Em um dos assaltos noticiados pela grande mídia um passageiro sofreu coronhada na cabe, só porque o dinheiro que deu para o bandido era pouco.

O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Teresina (SETUT) afirma que tem adotado medidas preventivas e que está ao lado dos passageiros, além de motoristas e cobradores, na reivindicação de mais segurança pública.
Em uma das ações registradas nesta semana, uma vítima relatou que o assaltante fez um arrastão dentro do ônibus, levando objetos de todos os passageiros.

O s ônibus possuem câmeras de segurança que registram tudo, mas os assaltantes acabam não sofrendo nada. Três dos assaltos registrados em apenas uma semana aconteceram na zona leste e o quarto foi na zona sudeste. Em alguns casos os bandidos roubam apenas o motorista e o trocador. Em outros, eles fazem um “arrastão”, levando dinheiro e objetos dos passageiros.

 Dois fatos novos vão acontecer proximamente: a entrada em vigor do sistema de integração, com estações de passageiros confortáveis e seguras e a chegada de recursos anunciados pelo governo federal. Resta saber se as Prefeituras das capitais vão receber parte de tais recursos ou se serão apenas SOS estados. O governo Temer anunciou R$ 42 bilhões de crédito aos Estados, através do BNDES.

Contas municipais

O deputado Aluísio Martins (PT) usou a tribuna na sessão da última quinta-feira (1) para manifestar sua preocupação com as novas regras para prestação de contas de gestores municipais, depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) transferiu a competência dos Tribunais de Contas para as Câmaras Municipais. Segundo o deputado, a reprovação pelos tribunais de contas não tornava o gestor inelegível, mas pelas Câmaras, sim.

 Ciro e Robert trocam críticas

A troca de críticas entre o deputado Robert Rios e o senador Ciro Nogueira estás apenas começando neste ano eleitoral que terá de tudo. O senador reagiu às críticas do deputado, por ele ter trazido o presidente da Caixa Econômica Federal para anunciar recursos de empréstimos. Disse, com todas as letras, que não merecia ser criticado, se suas ações sempre foram no sentido de conseguir recursos para o Estado. Robert foi ferino, ao dizer que os recursos são de empréstimos, e que o político que mais intermediou esses empréstimos foi Gedel Vieira, que se encontra preso.

 Mais um acidente na BR-135


 Ninguém falou mais nada sobre a BR-135, já apelidada de rodovia da morte. É como se os apelos dos parlamentares não tivessem sendo seguidos pelos representantes federais. Os políticos podem esquecer a BR, mas ela não esquece quem por ela trafega. Na última quinta-feira pela manhã um ônibus tombou na rodovia da morte, no km 264, no município de Alvorada do Gurguéia. Segundo informou a Polícia
Rodoviária Federal, quatro pessoas saíram feridas, três levemente e uma gravemente. Não houve choque com outro veículo. A polícia acha que o condutor perdeu o controle ou então houve problema com a baarra de direção.

 CPI dos transportes

O vereador Dudu (PT) está colhendo assinaturas para instalar uma CPI sobre os transportes da capital, no momento em que a Prefeitura se prepara para consolidar o sistema de integração. Neste mês já vão ser inauguradas as novas estações de passageiros na zona sul. O portal GP1 noticiou que  o Setut acusou o prefeito Firmino Filho de estar devendo R$ 21 milhões aos empresários . A proposta de CPI do vereador Dudu não aponta escândalos no setor de transportes, sobretudo nas obras que estão sendo realizadas, mas tão somente os reajustes nas passagens.

 Cachoeira do Urubu

Fotografias divulgadas pelo portal BN Batalha mostram a situação precária de uma passarela, principal estrutura  de atração turística,danificada sobre o rio Longá. As fotos mostram tábuas soltas, capazes
de provocar acidentes. Popularmente conhecido como Cachoeira do Urubu, o local foi transformado em atração turística em 1996 e recebe visitantes de vários pontos do país, principalmente nos períodos
chuvosos. A informação do portal BN Batalha dá conta de que existem, luminárias danificadas.

Alagamentos

É louvável a preocupação da Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste com os alagamentos de ruas e avenidas neste período chuvoso, mas o problema não será resolvido em pleno inverno. Diz a direção da SDU que são 73 galerias e bueiros que recebem os serviços de limpeza e que há também preocupação com árvores mortas, que durante as chuvas podem cair e provocar acidentes.As galerias e bocas de lobo, que funcionam como facilitadores da passagem da água estariam passando por limpeza para evitar entupimento, mas tudo é muito pouco diante das fortes
chuvas que caem diariamente.

É, mas não é

A Prefeitura de Teresina nega a existência de um débito superior a R$ 20 milhões para com as empresas de transportes coletivos, afirmando que  somente os débitos referentes aos anos 2015 e 2016 foram
auditados, negociados e estão sendo pagos regularmente em parcelas. Em relação à 2017, o débito ainda está em discussão e passando por uma auditoria. Até o mês de abril esse trabalho deve ser concluído e, a partir de então, o valor do débito deverá será analisado e discutido para pagamento", diz uma nota da Prefeitura. A rigor, o débito existe.
Só não foi auditado.

O humor de cada dia

A loira telefonou para o escritório e disse:
- Bom dia por favor, eu gostaria de falar com a Penha!
E a telefonista respondeu:
- É a própria!
E a loira responde:
- Por favor Própria, eu poderia falar com a Penha?

Dê sua opinião: