5000onon

A cautela de W. Dias sobre a investigação contra Ciro Nogueira.

Resultado de imagem para Wellington Dias e  Ciro Nogueira 
 Foto: Reprodução

O governador Wellington Dias foi mais cauteloso em relação à investigação da Polícia Federal contra o senador Ciro Nogueira do que o prefeito Firmino Filho. Ele disse que não se deve pré-julgar ninguém e que prefere aguardar os acontecimentos. Já o prefeito não mediu palavras para defender o senador, afirmando que ele está sofrendo a investigação por ser nordestino. A única diferença entre a posição de Firmino em relação a Ciro e a do PT em relação ao ex-presidente Lula é que os petistas atacam a Justiça. Firmino falou dos defeitos da política brasileira, como se não fosse a Justiça que tivesse determinado a investigação do senador.

É até compreensível que Firmino Filho tenha evitado criticar a Justiça e a Polícia Federal, mas ele precisa ser mais contundente quando for comentar as declarações do empresário Joesley Batista, se é que ele fará isso. Joesley foi destaque no portal G1, por ter afirmado que entregou uma mala com R$ 500 mil a Ciro Nogueira. O empresário fez a revelação em depoimento à Polícia Federal. O advogado de Ciro Nogueira disse, por nota, que ele nunca recebeu dinheiro de Joesley Batista e que a gravação da conversa vai comprovar isso. Disse, ainda, que Ciro Nogueira mantinha com Joesley uma relação "republicana" de um senador com um grande empresário.

Outro político que foi cauteloso em relação à investigação contra Ciro Nogueira foi o deputado Robert Rios. Ele chegou a declarar que acredita na procedência legal dos R$ 200 mil encontrados pela Polícia Federal em um cofre do senador e que o valor deve constar na declaração de renda. Robert fez questão de frisar que Ciro Nogueira é filho de empresário bem sucedido no ramo  imobiliário e que deve arrecadar o suficiente para acumular valores equivalentes ao que foi encontrado em seu cofre. O deputado só é impiedoso com o senador quando se refere à sua colega Regina Souza, que segundo ele só é criticada pelo seu cabelo e pelas roupas que veste, mas que nunca foi acusada de desonestidade.

Novamente o castigo

Devido a problema no valho automóvel, tive que vir para o trabalho de ônibus. Eis a soma do tempo perdido: 40 minutos na parada inicial (Saci); dez minutos no percurso até o terminal do Parque Piauí; cinco minutos na fila para recarregar o cartão; 12 minutos para pegar o segundo ônibus (Shopping) e 30 minutos no percursos até o trabalho.

Total: uma hora e 37 minutos. Antes, quando o ônibus do shopping ia direto, o tempo era de 30 ou 40 minutos, no máximo. Outra novidade que incomoda é quantidade de fiscais da Strans imponto regras aos motoristas e cobradores.

Mídia em confronto

A mídia esquerdista vê sempre interesses políticos nos veículos tradicionais. Eis o que publicou o portal brasisl247 contra a Folha de São Paulo: “Depois da decisão tomada pelos ministros Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski, que determinou que os processos do ex-presidente Lula sobre o sítio de Atibaia (SP) sejam julgados em São Paulo, e não no Paraná, retomando o princípio do juiz natural, como também deveria ter ocorrido no acaso do Guarujá (SP), os veículos de comunicação alinhados com o golpe de 2016, que trabalham pela prisão de Lula, líder em todas as pesquisas, passaram a tratar a Lava Jato como um poder soberano, acima do próprio STF, que não teria, portanto, a obrigação de se submeter às leis brasileiras; é o que faz, nesta quinta-feira, a Folha de S. Paulo”. 

Usando os prefeitos

Segundo noticiou o portal G1, o senador Ciro Nogueira estaria usando prefeitos municipais em sua defesa, através das redes sociais. Em um dos vídeos, o prefeito Gilson Filho, de Caracol, diz que o trabalho de Ciro tem causado muita inveja. Em outro, o prefeito de Floriano, Joel Rodrigues, diz que naturalmente um homem de destaque como Ciro será alvo de “coisas dessa natureza”, para tentar atrapalhar a sua missão.

Enquanto isso, continua repercutindo a delação de Joesley Batista, dando conta de que uma mala com R$ 500 mil foi entregue ao senador, através de Ricardo Saud.

Frota gera polêmica

Vídeo do ator pornô Alexandre Frota no facebook gera comentários confrontantes. Ele diz que Lula teve coragem para roubar, mas agora é covarde para ser preso. Selecionei dois comentários distintos. Vamos a eles: José Olimpio Leite de Castro: “Tudo que esse cara fala é a expressão da verdade e deve ser compartilhado no momento em que tentam sepultar a Lava Jato, desacreditando o íntegro juiz Sérgio Moro”. Rocha Filho: “Esse cara não tem moral pra falar de ninguém. Isso é uma aberração”

Robert contra Elmano

O deputado Robert Rios disse hoje (26) que a candidatura do senador Elmano Ferrer ao Governo do Estado é blefe. Ele disse que no momento certo o senador vai desistir. Sobre a possibilidade de Elmano prejudicar a oposição o deputado disse que isso não o preocupa, pois o político que passa o tempo todo apoiando o governo e acha de sair no último instante não leva ninguém. Sobre os dados da pesquisa divulgada pelo Meio Norte, Robert vê a oposição bem colocada.

Luciano cobra relatórios

Usando o tempo de dois minutos na sessão da última quarta-feira, o deputado Luciano Nunes voltou a cobrar do Governo do Estado relatório das atividades das nove Coordenadorias criadas em 2017. A cobrança inicial do relatório foi feita no final daquele ano, mas até hoje apenas três Coordenadorias enviaram os relatórios ao seu gabinete. De acordo com o deputado, os relatórios são bastante sucintos Ele fez apelo ao líder do governo e aos coordenadores, para que as coordenadorias apresentem o relatório de suas atividades. “Quando da criação dessas coordenadorias, nós votamos contrário, pois entendemos que se tratava do inchaço da máquina e de que elas buscavam mais acomodação de aliados.

Nomeação de concursados

Os aprovados no concurso para Gestor Governamental e Analista de Planejamento e Orçamento do Estado tiveram a garantia de que serão nomeados pelo Governo, com a aprovação pela Assembleia Legislativa do Projeto de Lei 17/2018 do Poder Executivo que altera a Lei 6.299/2013 que trata sobre a realização do certame. As nomeações poderão ser feitas após o próximo dia 2 de maio, quando se encerraria o prazo para que fossem realizadas.

O humor de cada dia

Na aula de noções de medicina, a professora pediu para os alunos trazerem instrumentos utilizados em um hospital. - Cíntia, o que você trouxe? - Um bisturi. - Quem deu pra você? - Minha mãe. - E o que ela falou? - Falou que serve pra cortar a pele! - Ah, parabéns! - Vinicius, o que você trouxe? - Uma seringa! - E quem deu pra você? - Meu pai! - O que ele falou? - Falou que serve para aplicar injeção! - Meus parabéns! - Kiko, o que você trouxe? - Um termômetro! - Quem foi que deu? - Meu tio. - E o que ele falou? - Falou que serve pra medir a temperatura. - Ótimo - E você, Joãozinho, o que é essa bola debaixo do seu braço? - Isso é um balão de oxigênio! - E quem deu pra você? - Eu peguei da minha vó! - O que ela falou? –Devolve, devolve, devolve, devolve.

Dê sua opinião: